Fortaleza, Terça-feira, 28 Junho 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

Ciente da importância de compartilhar momentos para uma vida saudável, a Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Ceará (Assalce) volta a realizar, de forma presencial, os encontros do Grupo de Convivência, a partir desta quarta-feira (06/04).

Além do objetivo de reunir os servidores ativos e aposentados para conviver socialmente, o Grupo tem como principal função promover a integração e bem-estar dos participantes, por meio de atividades que estimulam as habilidades cognitivas, funcionais e sensoriais, a fim de manter a independência e autonomia da pessoa pelo maior tempo possível.

Segundo a terapeuta ocupacional e coordenadora do projeto, Nathália Gomes, o Grupo é voltado para o público a partir de 45 anos, para quem envelhecer  pode ser um processo de conhecimento pessoal. "O isolamento social aumenta o risco de diversas doenças, como Alzheimer, depressão, doenças cardiovasculares e infecciosas", alerta.

Troca de experiências

De acordo com ela, rever os amigos e colegas de trabalho, conversar, ouvir e expressar sentimentos e opiniões, interagir e trocar experiências devem fazer parte do dia a dia de todas as pessoas, independentemente da idade. "Isso favorece a qualidade de vida, o bem-estar físico e psíquico e a saúde geral", afirma.

O Grupo de Convivência da Assalce realiza atividades voltadas para  o estímulo das funções cerebrais, da melhoria das capacidades funcionais, do fortalecimento das relações interpessoais, da manutenção da autonomia e otimização do tempo, bem como da promoção de um envelhecimento ativo e bem sucedido.

O Grupo se reúne sempre às quartas-feiras, às 9h30min, na sede da Assalce. Para mais informações, ligue para o telefone (85) 99991.5878 e fale com a Nathália Gomes, coordenadora do projeto.

Da Assessoria de Comunicação e Marketing da Assalce

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99717.1801

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Publicado em ASSALCE

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Evandro Leitão (PDT), ressaltou, na abertura dos trabalhos, nesta quinta-feira (06/05), o retorno das sessões plenárias no modelo híbrido (presencial e virtual), e os protocolos adotados para a segurança dos servidores. O parlamentar destacou o início de tramitação de projetos importantes.

O chefe do Legislativo alertou sobre a importância de seguir os protocolos de saúde, pois as medidas têm por objetivo proteger servidores da Casa e todos que precisam, impreterivelmente, estar presentes em suas dependências. “Pedimos a compreensão pelo controle no acesso à Assembleia, mas esperamos que, com a redução dos casos aqui no Estado, a população possa voltar a usufruir dos serviços oferecidos pela Casa”, assinalou.

Mesmo diante da necessidade de distanciamento social em razão da pandemia, segundo acrescentou Evandro leitão, a AL não parou os trabalhos em nenhum momento, mantidos de forma virtual. “A Assembleia tem transmitido em seus canais e suas redes sociais desde as sessões remotas, reuniões de comissões, até eventos virtuais. Realizamos ações como o Dia da Mulher, Grandes Debates, inauguramos o Núcleo de Saúde Mental e a reestruturação da Procuradoria Especial da Mulher, para citar alguns”, apontou.

As ações do Governo do Estado no enfrentamento aos efeitos da pandemia, não só na saúde, mas também no campo social, que receberam aprovação no Legislativo também foram lembradas pelo parlamentar. “Mais de 125 mil famílias em situação de vulnerabilidade social começaram a receber o segundo lote do Vale Gás Social, a partir desta semana. No início de abril, 130.314 famílias de todo o Estado já haviam sido beneficiadas. No primeiro lote, 18 municípios com até 300 famílias contempladas já receberam os vales. São medidas como estas que garantem a dignidade e a segurança alimentar das famílias cearenses”, pontuou.

Projetos importantes aprovados pelos deputados em sessões remotas também foram apontados pelo presidente da AL. São propostas de parlamentares e mensagens do Governo, como o Auxílio Cesta básica; isenção de contas de água e pagamento de contas de energia; pacote de medidas para setor de alimentação fora do lar e de eventos; e aumento salarial para os professores da educação básica do Estado. “O Poder Legislativo é a voz do povo. Temos atuado, com a aprovação de políticas públicas, pois dessa forma amenizar os efeitos devastadores dessa pandemia, que assola o mundo todo”, disse.

Evandro Leitão pediu ainda apoio dos parlamentares na aprovação do projeto de lei 188/21, de autoria da Mesa Diretora, que autoriza a Assembleia Legislativa adquirir e distribuir cestas básicas para pessoas em vulnerabilidade social, enquanto durar o estado de calamidade pública decretado em razão da pandemia de Covid-19. “Isso permitirá que o Legislativo atue diretamente no combate à fome e garanta a segurança alimentar da população que mais precisa”, afirmou.

Outro projeto citado foi o 59/21, do Poder Executivo, que iniciou tramitação na sessão desta quinta-feira, que trata de concurso público para mais de dois mil policiais militares no Ceará. “É uma categoria extremamente importante e que o Governo do Estado tem tido um cuidado especial, visando trazer e dar mais segurança para a população cearense”, destacou.

O parlamentar reforçou que “infelizmente, a pandemia não acabou”, e pediu a consciência da população para manter o distanciamento social e sair de casa apenas em caso de necessidade. Ele lembrou ainda a importância de usar máscara, álcool gel e não aglomerar. “Essas medidas são muito importantes, para salvarmos vidas. Estamos em um país com apenas 8% da população vacinada, com um plano nacional de vacinação atrasado”, lamentou.

Segundo o deputado, as mortes começaram a diminuir, entre outras coisas, graças às medidas de isolamento social rígido, no entanto, é preciso a colaboração de todos para que “cheguemos ao ponto em que ninguém mais tenha essa doença de forma fatal”. “Essa é a nossa luta”, reiterou.

O presidente da AL pediu também minuto de silêncio em memória das vítimas da Covid-19. Ele lamentou as o terrível saldo de mais de 412 mil vidas no Brasil; os 18.167 cearenses e as mais de 70 perdas para a doença na AL, desde o começo da pandemia.

Concurso

Na sequência, em entrevista coletiva, Evandro Leitão adiantou ainda que a intenção da Mesa Diretora é realizar o concurso público da Casa no início do segundo semestre de 2021, enfatizando que se trata de uma pauta que ainda deve ser levada para discussão no colegiado.

O deputado reiterou a condução do Governo do Estado no enfrentamento à pandemia de Covid-19. “É fato que estamos carentes de uma coordenação nacional para enfrentar essa pandemia. Mas, graças a Deus, no Ceará somos capitaneados pelo governador Camilo Santana, apoiado pelos poderes Legislativo e Judiciário, além do Ministério Público e de prefeitos, assim como técnicos renomados, todos juntos no intuito de tomar as melhores decisões para a população cearense, tanto na perspectiva da saúde quanto na perspectiva da economia”, assinalou.

Da Agência de Notícias da AL

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

A Assembleia Legislativa do Ceará retoma, nesta quinta-feira (06/05), a partir de 9h30min, a realização de sessões plenárias no modelo híbrido (presencial e virtual), que reúne parlamentares de forma presencial e remota, para discussão e votação de 29 projetos.

Entre os projetos, está o 53/21 , do Poder Executivo, que autoriza a concessão de subsídio tarifário no serviço público de transporte de passageiros sobre trilhos ou guiados, explorados pela Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor).

De autoria da Mesa Diretora da AL, o projeto 188/21  autoriza a Assembleia Legislativa do Ceará a adquirir e distribuir cestas básicas a famílias em situação de maior vulnerabilidade social, enquanto perdurar o estado de calamidade pública decretado em razão da pandemia da Covid-19.

Também estão na pauta projetos de iniciativa dos deputados e deputadas estaduais.

Cuidados

Em respeito a todos os protocolos de segurança sanitária e no sentido de proteger os profissionais de imprensa e servidores, haverá controle no acesso à Casa. Para tanto, será permitida a presença de apenas dois profissionais por veículo. O credenciamento foi feito nesta quarta-feira (05/05).

O hall de entrada será liberado aos profissionais de imprensa credenciados para realização de entrevistas, bem como as galerias do Plenário 13 de Maio, onde será possível captar imagens.

Mudanças

Na sessão ordinária de 29 de abril, o presidente da Assembleia, deputado Evandro Leitão (PDT), informou sobre a retomada das atividades presenciais da Casa, que teve início nesta segunda-feira (03/05). Na ocasião, o parlamentar anunciou que as sessões plenárias seriam retomadas no formato híbrido às quintas-feiras.

A retomada das sessões plenárias híbridas se dá com três mudanças na composição da Casa, uma vez que os deputados Acrísio Sena (PT), Marcos Sobreira (PDT) e Carlos Felipe (PCdoB) estão licenciados dos mandatos, o que gerou a convocação de suplentes. Em consequência desta situação, exercem mandatos, respectivamente, George Lima (PV), Ferreira Aragão (PDT) e Diego Barreto (PTB). O deputado Oriel Nunes Filho (PDT) exerce mandato porque o titular, Zezinho Albuquerque (PDT), é titular da Secretaria das Cidades no governo Camilo Santana (PT).

A assessoria continuará disponibilizando áudio, texto e imagens, além de materiais também disponíveis na Agência de Notícias. A sessão poderá ser acompanhada pela TV Assembleia (canal 31.1), FM Assembleia (96,7 MHz), site e página da AL no Facebook.

SC, com Agência de Notícias da AL

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, deputado Evandro Leitão (PDT), lançou, na abertura da sessão plenária realizada via Sistema de Deliberação Remota (SDR), nesta quinta-feira (29/04), o Pacto Ceará contra a Fome, mais uma iniciativa da Casa, no sentido de amenizar os impactos sociais decorrentes da pandemia da Covid-19. O parlamentar informou ainda sobre a retomada das atividades presenciais da Casa a partir da próxima segunda-feira (03/05).

Conforme o presidente, o Pacto envolve acordo de cooperação entre AL e diversas instituições, a partir do qual se pretende garantir segurança alimentar e nutricional às pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade social, através da aquisição e entrega de cestas básicas.

“O acordo está baseado na previsão constitucional que determina o Estado como provedor de assistência aos desamparados, com a finalidade de assegurar a dignidade humana. Esse pacto deve durar enquanto durar a pandemia e a situação de calamidade pública nos municípios, podendo ter continuidade no momento seguinte”, explicou.

Nesse sentido, será lançado Ato Normativo do Poder Legislativo que definirá os limites, a forma e as condições a que se sujeitará a distribuição das cestas básicas entre as famílias beneficiadas. Além disso, cada entidade ou poder que se inserir no Pacto Ceará Contra a Fome atuará de forma conjunta com a Assembleia, com responsabilidades que envolvem desde o acompanhamento das arrecadações até a entrega.

Serão convidados a participar do novo pacto, de acordo com o presidente da AL, diversos órgãos e instituições, entre eles, o Ministério Público Estadual, Tribunal de Justiça, Governo do Estado, através da Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos, a Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), a Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), entre outros.

Evandro Leitão ressaltou a importância dessa iniciativa, assim como das demais já deliberadas pela Casa, no sentido de amenizar os efeitos da pandemia na sociedade. Ele lembrou que, em razão da restrição de circulação de pessoas, produtos e serviços, com consequente queda de arrecadações pública e privada, houve aumento de desemprego e das desigualdades sociais, já tão graves em todo o País, com crescimento visível da extrema pobreza.

Como em todo o Brasil, o Ceará registrou recorde da taxa média de desemprego em 2020, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No País, a taxa média de desemprego foi de 13,5%; no Ceará, de 13,2%.

“Neste momento, é inegável a necessidade de ações para garantir o mínimo para a sobrevivência dessas famílias mais vulneráveis financeiramente. O Poder Executivo tem promovido políticas públicas para amenizar os efeitos da pandemia, como subsídios na conta de água e de energia, distribuição de vale gás, Auxílio Catador, ao setor de eventos, apoio a bares e restaurantes, e Cartão Mais Infância, salientou.

Retorno presencial na Assembleia será no dia 3 de maio

O presidente Evandro Leitão também anunciou que, após reunião da Mesa Diretora realizada nesta quarta-feira (28/04), foi decidido que a Assembleia Legislativa deve retomar as atividades presenciais a partir da próxima segunda-feira (03/05). “Será uma abertura gradual, e continuaremos fechados para público, funcionando com número reduzido de servidores”, informou.

O parlamentar explicou que as sessões plenárias serão retomadas no formato híbrido às quintas-feiras, já a partir da semana próxima. “Em breve, a Primeira Secretaria divulgará portaria, detalhando esse funcionamento. Não podemos esquecer que continuamos em uma pandemia e que todos os protocolos de segurança sanitária deverão ser respeitados”, alertou.

Evandro Leitão solicitou ainda minuto de silêncio em respeito aos aproximadamente 400 mil óbitos ocorridos em todo o Brasil e 17.280 no Ceará, vítimas de Covid-19.

Da Agência de Notícias da AL

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Um debate sobre a promoção do acolhimento emocional em tempos de pandemia provocada pelo Coronavírus marcou a retomada do projeto Webinar em 2021, nesta terça-feira (09/02). A Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace), por meio da Célula de Qualificação dos Servidores, retomou o projeto com o tema “Acolhimento emocional: cuidar de si, cuidar do outro”. A atividade teve como palestrante Lucila Bomfim Lopes, servidora do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) da Assembleia Legislativa do Ceará.

Lucila Bomfim alertou que a mudança de rotina, bem como o medo e incertezas em relação ao futuro, tiveram um impacto negativo na saúde mental da população, aumentando casos de ansiedade e estresse. "Com o nosso distanciamento, tivemos uma mudança brusca na nossa rotina, o que gerou em algumas pessoas casos de ansiedade, melancolia e tristeza", afirmou.
Ainda de acordo com ela, a ansiedade, quando atinge um nível acima do considerado ideal, oportuniza ao indivíduo a perda de controle de suas emoções. "O momento atípico exige de nós um processo de adaptação e uma atenção maior com a nossa saúde mental'', defendeu.

Ações relacionadas à saúde em destaque

A terapeuta ocupacional parabenizou a implantação do Núcleo de Saúde na Assembleia, projeto que está sendo desenvolvido em parceria com o Departamento de Saúde e Assistência Social da Casa e apontou o acolhimento emocional como uma iniciativa fundamental para lidar com o momento de vulnerabilidade.

Segundo Lucila Bomfim, que também é gerontóloga, o acolhimento não é feito apenas por profissionais da saúde e pode ser realizado em domicílio ou no trabalho. Para oferecer apoio a outras pessoas, segundo afirmou, o importante é praticar a escuta, olho clínico qualificado e a empatia.

Para a palestrante, cuidar é um ato humanístico que envolve preocupação, solidariedade e empatia pelo próximo, sendo crucial admitir que podemos vir a precisar da ajuda de outras pessoas e de uma escuta ativa, subsídio para um melhor entendimento do que se passa com o outro. ''Ao escutar, nossos órgãos e sentidos – corpo, ouvidos, olhos, gestos – devem estar envolvidos, para que a pessoa destinatária de nosso acolhimento possa reconhecer que está sendo acolhida e compreendida'', defendeu.

Retomada do projeto

A coordenadora da Célula de Qualificação dos Servidores, Norma David, fez uma saudação aos servidores, destacando a retomada do projeto e agradecendo a participação de Lucila Bomfim Lopes.''É uma felicidade estar com vocês, saber que todos estão com saúde. Esse Webinar é especial não apenas por ser o primeiro do ano, mas por termos recebido uma convidada preparada para tratar sobre acolhimento emocional, tema relevante no contexto de pandemia'', destacou.

Saiba mais

O Webinar é transmitido todas as terças-feiras ao vivo, por meio da plataforma Zoom. Os temas são diversificados, de forma a se levar informação e manter a interação dos servidores durante o período de isolamento social. Em 2020, 27 edições do projeto foram realizadas.Além de adquirir conhecimento, os participantes têm direito a um certificado .

JB

Núcleo de Comunicação Interna da AL
Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Telefone: 85.3257.3032
WhatsApp: 85.99147.6829

 

InícioAnt123PróximoFim
Página 1 de 3

Temos 464 visitantes e Um membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500