Fortaleza, Terça-feira, 05 Julho 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

A exposição "Mulheres Memoráveis", desenvolvida pelo Memorial Deputado Pontes Neto (Malce), da Assembleia Legislativa do Ceará, permanece em cartaz até o dia 30 de junho no espaço expositivo principal do Palácio Adauto Bezerra. O objetivo principal da mostra é fazer um resgate histórico sobre a importância da mulher na sociedade cearense. Até agora, a organização informa que mais de 300 pessoas já visitaram a exposição, dentre elas grupos de universitários, servidores do Poder Legislativo e público em geral.

A curadora do Malce, Marinêz Alves Feitosa, explica que a ideia é promover e reafirmar a força da mulher cearense na construção de uma sociedade mais justa, apresentando para a sociedade mulheres cearenses que tiveram papel de relevância histórica para o nosso estado nas mais diferentes áreas, como política, literatura e jurídica, dentre outras.

"Optamos por homenagear mulheres contemporâneas que atuam defendendo os direitos das pessoas, em especial o das mulheres, lutando a cada dia em busca de melhorias em prol da construção e fortalecimento da cidadania", afirma.

Saiba mais

A exposição conta com 25 painéis sobre mulheres de destacada relevância na vida da sociedade cearense, dando ao visitante uma visão da importância dessas mulheres no desenvolvimento do estado.

Dentre as mulheres que têm suas trajetórias apresentadas na exposição, estão a governadora Izolda Cela (PDT); a primeira-dama da Alece, Cristiane Leitão; a ex-presidente da Associação Cearense de Imprensa (ACI), jornalista Adísia Sá; a ex-presidente da Academia Cearense de Letras (ACL), Angela Gutiérrez; além de personalidades históricas, como Jovita Feitosa, que se engajou no Exército Brasileiro no século XIX; a primeira deputada estadual, Zélia Mota; a escritora Rachel de Queiroz; a militante Maria da Penha; bem como todas as representantes femininas do Poder Legislativo cearense.

A exposição conta ainda com as trajetórias das atuais deputadas estaduais pelo Ceará: Aderlânia Noronha (SD), Augusta Brito (PT), Dra. Silvana (PL), Érika Amorim (PSD) e Fernanda Pessoa (UB).

Visita agendada

Para agendar visitas de grupos de estudantes de escolas, faculdades, universidades ou outros interessados, deve ser feito contato com o Malce por meio do número 85.3277.3700.

As mulheres com trajetórias expostas no espaço (em ordem alfabética) são Águeda Passos Rodrigues Martins, Amélia Pedroso Bembem, Angela Maria Mota Rossas de Gutiérrez, Antônia Alves Feitosa (Jovita Feitosa), Augusta Brito de Paula, Benigna Cardoso da Silva, Cristiane Sales Leitão, Érika Gonçalves Amorim, Fernanda Eneida Pessoa Caracas de Souza, Maria Aderlânia Soares Barreto Noronha, Maria Adísia Barros de Sá, Maria Alacoque Bezerra de Menezes, Maria da Penha Maia Fernandes, Maria Eulália Odorico de Moraes Rola, Maria Iracema Martins do Vale, Maria Izolda Cela de Arruda Coelho, Maria Luiza Menezes Fontenele, Maria Nailde Pinheiro Nogueira, Maria Tomásia Figueira Lima, Maria Zélia Mota, Moema Correia São Thiago, Patrícia Pequeno Costa Gomes de Aguiar, Rachel de Queiroz, Silvana Oliveira de Sousa (Dra. Silvana) e Yolanda Pontes Vidal Queiroz.

PV/SC

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032                                     

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

WhatsApp: 85.99717.1801

Com o objetivo de apresentar ao público, por meio de fotografias e minibiografias, o perfil de grandes mulheres que marcaram a história do Ceará, foi aberta, na manhã desta sexta-feira (10/06), na Assembleia Legislativa, a exposição “Mulheres Memoráveis”. Iniciativa do Memorial Deputado Pontes Neto da Assembleia Legislativa do Ceará (Malce), a mostra fica no espaço expositivo localizado na entrada principal do Palácio Adauto Bezerra, estando aberta para visitação até o dia 30 de junho. Servidores da Alece e convidados participaram da atividade.

Uma das homenageadas na exposição, a primeira-dama da Alece, Cristiane Leitão, destacou que no Memorial da Assembleia é onde se relata e se retrata a história do Legislativo e do Parlamento cearense, sendo um espaço que permite apresentar a trajetória das pessoas que plantaram suas sementes para a construção da identidade do Estado. Ela também expressou a sua alegria de ser uma das personalidades lembradas pela mostra, ressaltando a importância do papel feminino na sociedade.

“No momento em que geramos a vida, colocando um ser no mundo para realizar ações, estamos recebendo um dom de Deus, sendo algo divino. O homem é educado por nós mulheres, por isso temos essa responsabilidade enorme”, considerou Cristiane Leitão. Ainda segundo ela, “quando homens e mulheres se dão as mãos, é possível levar a justiça e a igualdade para toda a sociedade”.

Outra personalidade contemplada na exposição, a ex-presidente da Academia Cearense de Letras (ACL), Angela Gutiérrez, exaltou a relevância do Malce, enquanto espaço criado para manter a memória e contar a história do Ceará e de tudo de importante que aconteceu nessa terra. “O papel do Malce é estimular a participação coletiva na construção da memória e do reconhecimento do patrimônio material e imaterial do nosso povo, tendo a nobre missão de preservação, análise e divulgação do seu acervo, representados por momentos como esse de agora”, pontuou.

Resgate histórico

Para o presidente do Malce, ex-deputado estadual Osmar Diógenes, a Alece é a Casa do Povo, por onde já passaram mais de 1.222 deputados, além de muitas personalidades da história cearense, enfatizando que a exposição tem o objetivo de fazer um resgate histórico sobre a importância da mulher em nossa sociedade.

“A mulher cearense tem marcado a história por sua coragem, altruísmo e dignidade. Destemida e corajosamente, as cearenses se fizeram presentes em todas as lutas pelas liberdades democráticas e contra a escravidão, o preconceito e a arrogância patriarcal, empregando sua inteligência em favor das artes, da literatura, da família e do respeito humano", salientou Osmar Diógenes.

A deputada Fernanda Pessoa (UB) lembrou que no Malce já existe uma ala específica que traz galeria com as ex-deputadas da história da Assembleia Legislativa. Ela aproveitou enalteceu a iniciativa da exposição sobre grandes mulheres cearenses. “São mulheres que se destacaram ao longo da história do nosso Estado, o que é muito importante para contar a nossa trajetória enquanto povo”, ressaltou, complementando que as mulheres são maioria na população e no eleitorado brasileiro, mas ainda são minoria nos espaços de poder público.

Estiveram presentes ainda ao evento o historiador, escritor, membro do Instituto do Ceará e vice-presidente da Academia Cearense de Letra (ACL), Juarez Leitão; o presidente da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (Assalce), Luís Edson Corrêa Sales; o presidente do Instituto de Estudos e Pesquisas Sobre o Desenvolvimento do Ceará (Inesp), João Milton Cunha; o presidente da Associação Cearense de Imprensa (ACI), Salomão de Castro, dentre outros.

Sobre a exposição

A exposição conta com 14 painéis e dentre as mulheres que a integram estão a governadora do Ceará, Izolda Cela (PDT); a primeira-dama da Alece, Cristiane Leitão; a ex-presidente da Associação Cearense de Imprensa, jornalista Adísia Sá; a presidente da Academia Cearense de Letras, Angela Gutiérrez; além de personalidades históricas, como Jovita Feitosa, que se engajou no Exército Brasileiro no século XIX; a primeira deputada estadual, Zélia Mota; a escritora Rachel de Queiroz; a militante Maria da Penha; bem como todas as representantes femininas do Poder Legislativo cearense.

Da Agência de Notícias da Alece

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

WhatsApp: 85.99717.1801

O Memorial Deputado Pontes Neto da Assembleia Legislativa do Ceará (Malce) vai realizar, a partir desta sexta-feira (10/06), a exposição Mulheres Memoráveis. A mostra vai apresentar ao público, por meio de fotografias e mini biografias, grandes mulheres que marcaram e ainda vêm marcando história, trazendo suas significativas contribuições para a nossa sociedade. A exposição será no Espaço Expositivo do Palácio Adauto Bezerra. A solenidade de abertura está prevista para 10h30min.

De acordo com o presidente do Memorial, ex-deputado estadual Osmar Diógenes, a mulher cearense tem marcado a história por sua coragem, altruísmo e dignidade. "Destemida e corajosamente, as cearenses se fizeram presentes em todas as lutas pelas liberdades democráticas e contra a escravidão, o preconceito e a arrogância patriarcal, empregando sua inteligência em favor das artes, da literatura, da família e do respeito humano", avalia.

Entre as mulheres contemporâneas que participarão da exposição estão a governadora Izolda Cela (PDT), a primeira-dama da Alece, Cristiane Leitão, a jornalista Adísia Sá, ex-presidente da Associação Cearense de Imprensa (ACI), e a presidente da Academia Cearense de Letras (ACL), Angela Gutiérrez, além de personalidades históricas como Jovita Feitosa, que se engajou no Exército Brasileiro no século XIX, natural do município de Tauá; a primeira deputada estadual Zélia Mota, e todas as representantes femininas do Poder Legislativo cearense.

Osmar Diógenes ressalta que a exposição tem também o objetivo de fazer um resgate histórico sobre a importância da mulher em nossa sociedade. Ele reconhece que muitos avanços ainda são necessários, mas que graças à força feminina muitos passos foram dados na direção de uma sociedade igualitária entre homens e mulheres.

"Antigamente, na sociedade judaica era considerado um subgrupo humano, sob o domínio absoluto dos homens. Salomão teve 700 concubinas. Ao longo do tempo, elas foram buscando posição de maior relevo. Hoje, temos efetivada no cargo de governadora uma mulher, que assumiu a posição por seus próprios méritos. A mulher vem gradativamente ocupando o seu lugar na sociedade", acentua o presidente do Memorial.

A exposição contará com 14 painéis e permanecerá aberta à visitação até 30 de junho, de acordo com o presidente do Malce.

JS

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

WhatsApp: 85.99717.1801

O Núcleo de Mediação e Humanização das Mulheres (Numehmu), do Comitê de Responsabilidade Social da Assembleia Legislativa do Ceará, promoveu nesta segunda-feira (30/05) a palestra vivencial “Mulher, Mãe, Esposa e Profissional: e como fica o autocuidado?”, em alusão ao Dia Internacional de Ação pela Saúde da Mulher, transcorrido no último dia 28 de maio. A atividade envolveu servidoras da Alece, que, durante a roda de conversa, refletiram sobre a necessidade do autocuidado, independentemente das escolhas pessoais e obrigações de cada uma.

Conforme informou a articuladora do Núcleo, Raquel de Mesquita Rodrigues durante o encontro, realizado no Anexo II (Edifício Deputado José Euclides Ferreira Gomes), foi proposta uma atividade sobre saúde mental, com convite para um círculo de diálogo entre mulheres. O objetivo é o de que a partir dessa experiência em grupo, haja reflexão sobre o que elas têm feito para o cuidado de si mesmo, tentando sair dos lugares de responsabilidades com filhos, de esposas e de tias, dentre outros.

“A ideia é que, partindo desse pressuposto do cuidado consigo mesma, desse olhar para si, seja despertada e/ou ampliada a consciência acerca da necessidade de cuidar de tantos outros aspectos que perfazem o nosso ser, tendo a compreensão de que somos seres biopsicossociais e que a saúde da nossa mente impacta a saúde do nosso corpo e vice-versa”, afirmou Raquel de Mesquita Rodrigues.

Para a articuladora do Núcleo, a atividade obteve um resultado positivo, pois as participantes puderam se perceber, sem que tenham de agir para apenas de cuidar do outro e de se deixar de lado. “Ao final todas puderam assumir o compromisso, a partir das suas carências e necessidades, de cuidar mais de si e fazer o que de fato é importante”, asseverou Raquel.

Sobre o Núcleo de Mediação e Humanização das Mulheres

Segundo Juliana Holanda, coordenadora do Núcleo de Mediação e Humanização das Mulheres, o setor, juntamente com a Procuradoria Especial da Mulher (PEM), tem o objetivo de realizar mediações na área da violência de gênero, de uma maneira geral, como, também, promover a humanização da percepção de todos os tipos de violência.

“Estamos fazendo um trabalho junto às servidoras da Casa, para que as mulheres, dentro dessa realidade, possam ver que têm capacidade de mudar suas vidas, olhando para sua autoestima. Estimulamos, na realidade, o autocuidado para que elas possam promover junto às suas famílias o desenvolvimento humano, espiritual e mental”, afirmou Juliana.

Outro objetivo do Núcleo de Mediação e Humanização da Mulher, segundo informou. é o de acolher as mulheres em parceria com outras células do Poder Legislativo. “Estamos, também, atuando em parceria com a Secretaria de Proteção Social (SPS) com a qual vamos trabalhar essa questão da humanização no combate às drogas”, ressaltou.

O Núcleo de Mediação e Humanização das Mulheres (Numehmu) faz parte do Comitê de Responsabilidade Social da Assembleia Legislativa do Ceará.

Da Assessoria de Comunicação e Marketing da Associação dos Servidores da Assembleia (Assalce), com Núcleo de Comunicação Interna da Alece

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

WhatsApp: 85.99717.1801

Publicado em ASSALCE

O Centro de Mediação e Gestão de Conflitos da Assembleia Legislativa do Ceará realiza nesta sexta-feira (18/03), às 10 horas, Círculo de conversa sobre o tema "Celebrar a força do feminino", na sede do Núcleo de Práticas Restaurativas, no anexo III da Alece (Edifício Deputado Francisco das Chagas Albuquerque), no terceiro andar. O evento  terá a equipe técnica como facilitadores do Círculo, sendo aberto à participação de servidores da Casa.

De acordo com Marcela Pontes,articuladora interna do Centro,o círculo de conversa é uma ação preventiva realizada pelo centro, que tem como objetivo celebrar o mês de comemoração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março). A promoção é um espaço de acolhimento da fala e da escuta para os servidores e servidoras da Casa Legislativa, conforme explica Marcela.

Eveline Freire, articuladora do Centro de Mediação e Gestão de Conflitos, informa que a atividade visa a colaborar com os integrantes do quadro funcional da Alece. "Temos a proposta de levar educação e prevenção, sendo o diálogo uma importante ferramenta para a gestão de conflitos", pontua.

Eventos serão realizados mensalmente

A articuladora anuncia que mensalmente serão realizados "círculos de diálogo", para que servidoras e servidores tenham oportunidade de falar sobre temáticas que serão discutidas em grupo. "É um conjunto de pessoas convidadas, que aceitam voluntariamente e nós fazemos esse movimento em círculo porque é uma dinâmica que utilizamos para que todos se sintam ouvidos e possam ter a oportunidade de falar", explica.

A facilitadora esclarece ainda que não é terapia mas é terapêutico. "É uma técnica que viabiliza que as pessoas tenham a disponibilidade de poder falar a respeito dos seus sentimentos", pontua. Ela ressalta ainda que a roda de conversa tem o caráter sigiloso e cada evento tem uma temática própria.

A atividade vem sendo realizada desde o ano passado e ainda será realizada ao longo do ano de 2022, com o objetivo de desenvolver o diálogo na sociedade, "um dos pressupostos da promoção da cultura de paz".

JS

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

WhatsApp: 85.99147.6829

 

Publicado em Categoria Matriz
Página 1 de 7

Temos 172 visitantes e Nenhum membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500