Fortaleza, Segunda-feira, 23 Maio 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

“Sou professor a favor da decência contra o despudor, a favor da liberdade contra o autoritarismo, da autoridade contra a licenciosidade, da democracia contra a ditadura de direita ou de esquerda. Sou professor a favor da luta constante contra qualquer forma de discriminação, contra a dominação econômica dos indivíduos ou das classes sociais”.
                                                                               (Paulo Freire)

Todos nós, em alguma fase da vida, dependemos de um profissional de educação para promover e facilitar o nosso aprendizado formal, e também auxiliar na nossa formação moral e social. Da educação pré-escolar ao título acadêmico mais avançado é o professor ou a professora quem dedica as suas horas enriquecendo as nossas com seu conhecimento. Para além de uma facilitadora do aprendizado, essa profissão demonstra, não raras vezes uma amizade que pode atravessar toda a vida. Dedicar-se a ensinar é, para além de uma profissão, um sacerdócio, dadas as circunstâncias muitas vezes desfavoráveis por causa da escassez de recursos e salários menores do que o razoável.

Por tantos esforços em nome da educação, nesta sexta-feira comemora-se o Dia do Professor. A data é celebrada em 15 de outubro em referência a d. Pedro I, que, neste dia de 1827, emitiu uma lei sobre o Ensino Elementar. No que se refere ao desenvolvimento da educação no Brasil, essa lei foi considerada um passo muito importante porque tratou dos objetos de estudo dos alunos, definiu que todas as cidades do Brasil deveriam ter Escolas de Primeiras Letras (Ensino Fundamental), e até estipulou o salário dos professores.

Mais de um século depois dessa lei, um professor do estado de São Paulo decidiu utilizar a data 15 de outubro como o momento oportuno para estabelecer um dia de folga a esses profissionais tão atarefados. O idealizador foi Salomão Becker, e de sua ideia se organizou uma confraternização entre professores e alunos. A proposta de Samuel Becker acabou sendo bem recebida e inspirou outras celebrações do tipo. Em 1948, o Dia do Professor foi oficializado como data comemorativa e feriado no estado de Santa Catarina, e, em 14 de outubro de 1963, por meio do decreto federal nº 52.682, do então presidente João Goulart, que depois sofreria um golpe de Estado, foi criado o Dia do Professor em todo o país.

Apesar de todas as dificuldades e percalços, a carreira de professor é bastante importante e oferece uma grande oportunidade para que as pessoas não só acumulem saberes, mas realmente se desenvolvam por meio das diferentes formas de conhecimento. Vale lembrar que a função do professor não é transmitir informações, mas fazer com que o aluno consiga assimilar melhor as características e processos inerentes ao mundo em que vive.

Gratidão e respeito

O presidente da Escola Superior do Parlamento, o sociólogo, professor e deputado Salmito (PDT) diz que é com muita gratidão, respeito e reconhecimento que saúda o Dia do Professor. “Quero dar os parabéns a toda categoria do país e do Estado. Falo com muita emoção porque além de ser professor sou filho de um pai e de uma mãe que também são professores. Neste 15 de outubro, os nossos parabéns a todos professores e professoras que têm a nobilíssima missão de educar e ensinar”.

O diretor Acadêmico da Unipace, Robson Loureiro, destaca a importância do magistério para a construção da educação. “O meu respeito e a minha admiração por todos os professores. Uma sociedade nunca poderá ser justa e igualitária se ela não tiver o professor como um profissional de elevadíssimo respeito e como ator social estratégico para o alcance do desenvolvimento sustentável! Parabéns a todos os professores, em especial aos que ajudam a construir a Escola Superior do Parlamento do Ceará”.

O coordenador do Departamento de Idiomas da Escola Superior do Parlamento (Unipace) Fernando Cordeiro, diz que, nesta data, parabeniza todos os professores pelo seu dia. “Essa é a profissão que constrói o conhecimento, para a nossa sociedade. Por isso, homenageio todos os professores que estão ao nosso lado, na Unipace. Desde os professores dos cursos de idiomas, os professores da pós-graduação e os que ministram cursos na qualificação dos servidores”.

De acordo com Fernando Cordeiro, a missão do professor é profética. “É uma missão de anúncio de uma nova sociedade, de construção de conhecimento e desenvolvimento do nosso país. Por isso agradecemos a todos os professores que se dispõem em sua vida a desenvolver conhecimento, cultura e, principalmente, a perspectiva da cultura de paz”.

JS

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Na data de 15 de outubro é comemorado um dos profissionais mais importantes para o desenvolvimento de qualquer nação, o Professor. Eles são os responsáveis por salvaguardar a educação e o conhecimento no país, abrangendo um grupo de profissionais que trabalham desde a educação infantil até o ensino superior. Trata-se de uma das principais atividades praticadas no mundo. Sem ela, a transmissão de conhecimentos e a correta apreensão destes pelas pessoas seriam praticamente impossíveis.

O coordenador do Centro de Idiomas da Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace) Fernando Cordeiro, em nome da instituição, parabeniza todos os professores que compõem a equipe de ensino da Unipace. "Agradecemos a esses profissionais que contribuíram contribuem para a formação continuada dos servidores da Assembleia Legislativa, que atendem tanto ao público interno quanto externo e a própria população".

Fernando Cordeiro destaca ainda que o professor é de fundamental importância para o desenvolvimento do Estado e "para o engrandecimento da Nação". Ele lembra, que o crescimento de um país só acontece com a participação efetiva do professor. "É importantíssimo ressaltar que esse grupo está promovendo um Ceará cada melhor para os seus cidadãos".

Origem

A origem do Dia do Professor, na data de 15 de outubro de 1827, tem como motivação o ato do imperador D. Pedro I instituindo o Ensino Elementar no Brasil, com a criação das escolas de primeiras letras em todos os vilarejos e cidades do país. Além disso, o decreto estabeleceu a regulamentação dos conteúdos a serem ministrados e as condições trabalhistas dos professores.

Em 1947, o professor paulista Salomão Becker, em conjunto com três outros profissionais da área, teve a ideia de criar nessa data um dia de confraternização em homenagem aos professores e também em razão da necessidade de uma pausa no segundo semestre, até então muito sobrecarregado de aulas.

Mais tarde, em 1963, a data foi oficializada pelo decreto federal nº 52.682, que, em seu art. 3º, diz que “para comemorar condignamente o dia do professor, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo delas participar os alunos e as famílias”1. O responsável por aprovar esse decreto foi o presidente João Goulart.

JS

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

 

O Dia do Professor, celebrado nesta terça-feira (15/10), representa uma homenagem a diversos profissionais, dentre os quais servidores e servidoras que atuam na Assembleia Legislativa do Ceará. Para a servidora Tereza Porto, a data tem um significado especial. "Considero essa profissão uma das mais nobres porque ela forma toda a sociedade. Depois da família, o professor tem a maior importância  na formação das futuras gerações, contribuindo não apenas para a formação acadêmica, mas na construção do caráter e bons valores dos alunos'', afirma.

Graduada em Letras pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e com especialização em Literatura Brasileira e Língua Portuguesa, Tereza Porto compartilha  seus conhecimentos nas salas da Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace), ministrando cursos ofertados pela Divisão de Treinamento (Ditre), vinculado ao Departamento de Recursos Humanos (DRH) da Casa.

Português e Técnicas de Redação Oficial estão  entre os principais temas ministrados pela professora, que auxilia os servidores a aperfeiçoar a produção e redação de textos e documentos oficiais. ''Português é  a terceira língua ocidental no mundo e devemos preservá-la porque é um patrimônio nosso. Durante as aulas, estimulo a leitura. porque a melhor forma de aprender a escrever é usar a memória visual - ou seja lendo'', defende.

Quando decidiu lecionar, Tereza Porto deixou a timidez fora da sala de aula. Atualmente com longa experiência na docência, ela aponta que um dos grandes ganhos da profissão é a troca de experiências com os alunos, a convivência e  a criação de vínculos.

Além da sala de aula

Em paralelo à sua atuação como docente, Tereza Porto atua na Consultoria Parlamentar desde março deste ano, fazendo a revisão gramatical,  adequação técnica de minutas de proposição e demais demandas dos gabinetes parlamentares. Antes de atuar no setor, foi coordenadora dos cursos de idiomas durante dez anos,  participando do processo de criação do setor.

''Tivemos que selecionar professores inicialmente para os idiomas de Inglês e Espanhol. Depois de uns quatro a cinco anos, foi incluído o Francês, que tem uma aceitação muito boa. Na época da Copa do Mundo (2014), o pessoal foi para a Avenida Beira-Mar para se comunicar com os turistas. Aprender uma outra língua exercita o cérebro, evita a demência'', afirma, em referência ao mundial de futebol que teve Fortaleza como uma das sedes.

Desde setembro,Tereza Porto  assumiu  o desafio de ser  umas das juradas do concurso "Ao Pé da Letra", iniciativa do Poder Legislativo, em parceria com a Secretaria de Educação do Estado (Seduc). Ela afirma  que é um privilégio participar do concurso que incentiva a leitura e educação entre  os alunos do 1º ano do Ensino Médio, regularmente matriculados nas unidades escolares da Rede Estadual de Ensino do Estado do Ceará. O programa é transmitido aos sábados pela TV Assembleia.

Servidor e professor

O servidor José Hugo Costa Martins, do Departamento Financeiro,  é um dos professores do curso de Inglês ofertados pela Unipace. A paixão por estudar outro idioma teve início em 1982, no CCAA. Em 2009, quando foram criados os cursos de idiomas da Unipace, ele passou a lecionar, tendo  formado mais de 60 turmas. ''No início, comecei a ensinar para não perder a proficiência, mas hoje gosto da sala de aula, de passar meus  conhecimentos. É gratificante saber de um aluno que o curso ajudou nos testes para mestrado e doutorado'', exemplifica.

Além do Inglês, José Hugo também concluiu Espanhol, Francês e Alemão. Ele afirma que é necessário  estar sempre em contato com as línguas para não perder a fluência dos idiomas. "Atualmente estou novamente fazendo conversação de Espanhol e Francês na Unipace para não perder a prática. O servidor tem essa facilidade de estudar de forma gratuita, oportunidade essa que não tive'', afirma.

Atualmente, José Hugo leciona em  três  turmas de Inglês. "No horário mais  livre no Departamento Financeiro, atuo como professor. É muito  importante  aprender  outro idioma. Hoje os alunos podem estudar pela internet  por meio de aplicativos, dicionários e músicas. Há um universo de possibilidades", destaca.

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

Temos 446 visitantes e Nenhum membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500