Fortaleza, Terça-feira, 05 Julho 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

A data de hoje marca o Dia Internacional da Enfermagem, comemorado anualmente em 12 de maio. Também conhecido como Dia Internacional das Enfermeiras e Enfermeiros, são homenageados o trabalho e a contribuição desses profissionais considerados heroínas e heróis, que enfrentam situações extremas em defesa da vida e para a proteção da saúde, principalmente.

O trabalho desses profissionais é essencial para garantir a recuperação e salvamento de vidas em perigo, seja nos hospitais ou demais instituições que necessitam da assistência contínua de cuidados médicos.

A Assembleia Legislativa do Ceará presta uma justa homenagem a todos enfermeiros e enfermeiras que compõem o quadro de pessoal da Casa, e aos profissionais que estão atuando de forma imprescindível no combate à pandemia de Covid-19.

O diretor do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) da Assembleia, Luis Edson Corrêa, destaca a importância do trabalho dos profissionais de Enfermagem no cenário contemporâneo. “A Enfermagem é a maior categoria profissional de Saúde e a única que se mantém 24 horas ao lado do paciente, prestando-lhe assistência física e, muitas vezes, emocional. Em meio à pandemia que vivemos, precisamos reconhecer que sua capacidade técnica exerce papel fundamental na detecção e avaliação de casos suspeitos”, destaca.

“Parabenizo com entusiasmo em especial a toda a equipe de Enfermagem do DSAS, que desenvolve sua atividade não só no Departamento como na rede pública e privada de saúde com dedicação, competência e amor. Desde o início dessa luta contra o novo coronavírus, esses profissionais trabalham com afinco para garantir a recuperação de pacientes, abrindo mão do conforto de seus lares e do convívio de familiares para salvar vidas”, afirma.

Para a chefe do Setor de Enfermagem do DSAS, Odete Sampaio, a área é uma arte respaldada na ciência do cuidar. “É com dedicação diária e empatia que profissionais de Enfermagem enfrentam riscos pelo próximo. Portanto, merecem reconhecimento, respeito e valorização não só neste momento de pandemia, onde estão atingindo uma maior visibilidade junto à população adoecida, mas como profissionais da saúde”, destaca.

Para ela, o momento vivido pela pandemia aumenta a responsabilidade dos profissionais. “Hoje unimos força nessa batalha contra a Covid-19, sentindo toda dor dos pacientes e, mesmo abalados e exaustos, nos mantemos ao lado deles 24 horas e nos alegramos quando o paciente vence essa guerra. Somos enfermeiros e estamos de mãos unidas no enfrentamento dessa doença”, destaca Odete Sampaio, parabenizando os profissionais da área que atuam no DSAS.

Sobre a data

O dia 12 de maio tem um significado muito importante na história da enfermagem e é considerado oficial para a homenagem à profissão desde 1965 pelo Conselho Internacional de Enfermeiros. Foi nessa data, em 1820, que nasceu a profissional que é provavelmente a mais reconhecida da área, Florence Nightingale.

Considerada a fundadora da Enfermagem como conhecemos hoje, foi pioneira no tratamento a feridos de guerra e criadora da primeira escola de Enfermagem do mundo, no Hospital St. Thomas, em Londres (Inglaterra).

Foi na guerra da Crimeia, em que o Reino Unido participou entre 1853 e 1856, que o seu trabalho se tornou mais conhecido e ela foi chamada de "Dama da Lâmpada", instrumento que usava durante a noite para ajudar melhor os feridos.

Dia da Enfermagem no Brasil

O Dia Internacional da Enfermagem passou a ser uma data comemorativa no Brasil em 1938, quando a data foi instituída pelo então presidente Getúlio Vargas, por meio do Decreto nº 2.956, de 10 de agosto de 1938.

No entanto, no Brasil é comum a celebração da Semana da Enfermagem, que começa em 12 de maio (com o Dia Internacional da Enfermagem) e termina em 20 de maio (com a comemoração do Dia do Auxiliar e Técnico de Enfermagem).

JS, com Assessoria do DSAS

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Whatsapp: 85.99147.6829

O Dia Internacional da Enfermagem e do Enfermeiro, celebrado em sessão solene, nesta segunda-feira (13/05), no Plenário 13 de Maio da Assembleia Legislativa do Ceará, abriu espaço também para alertar sobre a importância da participação da categoria nas lutas pelos direitos e nas pautas políticas nacionais. A homenagem foi solicitada pelos deputados Augusta Brito (PCdoB), Carlos Felipe (PCdoB) e Marcos Sobreira (PDT).

Na ocasião, foram homenageados com certificados Hermenecisia Aguiar Costa, enfermeira do departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) da Assembleia; Amanda Cavalcante Frota, pesquisadora e docente em Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz no Ceará (Fiocruz-CE); Silézia Maria Franklin de Souza, professora mestra em Saúde Coletiva e Educação da Universidade de Fortaleza (Unifor); Maria Vilani Cavalcante Guedes, professora doutora do curso de Enfermagem da Universidade Estadual do Ceará (Uece); Ana Fátima Carvalho Fernandes, professora do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Foram agraciados ainda os enfermeiros Natália Herculano Soares Rodrigues, Maria Alice Nogueira de Oliveira, Maria do Socorro Araújo Neves – do Estratégia de Saúde da Família (ESF) do Município de Orós, Ravigna Maria Teixeira de Araújo – do Hospital Infantil Albert Sabin, Luciana Catunda Gemes de Menezes, professora da Faculdade Metropolitana de Fortaleza (Fametro), Lúcio Kildare e Silva Lima – Central de Transplante do estado do Ceará, Bruna Michelle Belem Leite – coordenadora do Curso de Enfermagem do Centro Universitário Estácio do Ceará, Maria Rejane Magalhães Fontenele – diretora executiva do Sindicato dos Enfermeiros do estado (Sence).

A solenidade contou ainda com a participação da vice-presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Ceará (Senece), Anizia Ferreira; a chefe do Serviço de Enfermagem do Departamento de Saúde da AL, Maria Odete Marçal Sampaio; a coordenadora de Enfermagem do Hospital Infantil Albert Sabin, Zélia Gomes Mota; e a representante do Conselho Regional de Enfermagem do Ceará, Rubênia Laurisa Vasconcelos.

Saudação dos parlamentares

O presidente da Assembleia, deputado José Sarto (PDT), reconheceu a “grandeza” da profissão. “Trata-se de um trabalho sacerdotal, que é cuidar do ser humano, das carências físicas e psicológicas e, por isso, merece reconhecimento e dignidade, como todas as profissões”, afirmou.

Para o deputado Carlos Felipe, a sociedade tem um débito com a categoria dos enfermeiros ao não reconhecer a profissão. “Só sabe é quem acaba precisando de um profissional desse, geralmente nos momentos mais difíceis”, assinalou. Conforme observou, a profissão atingiu um nível de complexidade tal que os profissionais participam até da gestão administrativa em alguns ambientes. “Sabemos que a categoria é prejudicada, perdemos algumas lutas, mas ganhamos outras”, acrescentou.

A deputada Augusta Brito, que presidiu a solenidade, também ressaltou a importância de continuar a luta pelos direitos. “Não é porque se trata de uma categoria formada por 80% de mulheres que somos fracos. Precisamos mostrar na força e lutar pela garantia dos nossos direitos”, salientou.

Já a presidente da Associação Brasileira de Enfermagem (Aben/CE), Ana Valeska Siebra e Silva, defendeu a manutenção dos recursos para Educação. “Somos contra os cortes nas universidades e o recolhimento das bolsas de pesquisa. Um país sem educação não pode ser chamado de país, e nossa voz precisa ser ouvida”, salientou.

De acordo com a pesquisadora e docente em Saúde Pública da Fiocruz/CE, Amanda Cavalcante Frota, é preciso quebrar essa ideia de que a enfermagem só atua na doença e no leito do hospital. “Precisamos nos organizar, lutar pelos nossos direitos, coisa que já fazemos há muitos, mas também nos envolver nas pautas nacionais e internacionais, e que afetam o desenvolvimento da profissão”, disse.

(Da Agência de Notícias da AL-CE)

Temos 357 visitantes e 7 membros online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500