Imprimir esta página
Quarta, 15 Setembro 2021 16:58

Servidores participam de exercício sistêmico com foco na resiliência Destaque

Avalie este item
(2 votos)
Terapeuta Nara Guimarães comandou a atividade Terapeuta Nara Guimarães comandou a atividade Foto: Dário Gabriel

O Núcleo de Práticas Sistêmicas e Restaurativas da Assembleia Legislativa do Ceará realizou na tarde desta quarta-feira (15/09) o exercício sistêmico ''Caminhos  de Resiliência'', voltado para servidores da Casa. Ao longo do mês, a iniciativa, realizada semanalmente na sala do Núcleo, instalada no terceiro andar do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) do Poder Legislativo (Anexo III - Edifício Deputado Francisco das Chagas Albuquerque), tem abordado  temas  que  dialogam com a campanha Setembro Amarelo, tratando da prevenção ao suicídio.

A terapeuta responsável pela atividade, Nara Guimarães, ressaltou que após tratar sobre a depressão e um olhar para tristeza, foi necessário dialogar sobre a resiliência, atitude que remete à capacidade do ser humano de responder às demandas da vida cotidiana de forma positiva, apesar das adversidades que enfrenta ao longo do seu ciclo vital de desenvolvimento.

"Após tratarmos sobre o luto, veio a ideia de trazer o outro lado, a  resiliência, quais ferramentas temos para superar esse luto, que outro olhar podemos ter para dor e quais lições aprendemos com ela. Situações difíceis são comuns, mas precisamos saber superar os obstáculos e a resiliência, justamente esse  processo de se adaptar bem diante da adversidade, trauma, tragédia e ameaças'', afirmou.

Conforme  destacou a terapeuta, a atividade foi um momento de partilha e proporcionou um espaço de fala, escuta e troca de experiências de forma terapêutica, visto que o processo de escuta foi qualificado com uma profissional  para guiar e acolher.

''Buscamos  soluções para dor e vivências difíceis por meio de uma roda de conversa. Como cada um carrega dentro de si múltiplas  experiências. Os participantes puderam trazer uma experiência de vida para que compreendêssemos como foi o processo de superação. Por outro lado, ajudarmos a encontrar uma solução para o problema, seja de qual natureza for: perda de um emprego ou luto, por exemplo. Conseguimos crescer com a dor e utilizá-la  para crescer como  pessoa'', avaliou a psicóloga.

Exercícios Sistêmicos

Os exercícios sistêmicos são dinâmicas estruturadas que utilizam as leis sistêmicas como base para iniciar um movimento de ampliação de percepção, expansão de consciência para liberação das questões emocionais, padrões repetitivos e crenças limitantes, sem a necessidade de recurso a uma constelação completa.

Conforme ressaltou Nara Guimarães, o público-alvo são os servidores da Alece e seus dependentes ou pessoas que estão em processo terapêutico pelo DSAS, mas por ser uma atividade aberta, os interessados em conhecer  a atividade são bem-vindos.

Na próxima quarta-feira (22/09), o Núcleo de Práticas Sistêmicas e Restaurativas promoverá exercício com a temática ''Recursos  para Lidar com as Adversidades". Para encerrar a campanha Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio, a atividade do próximo dia 29 será intitulada ''Tende Bom Ânimo" em referência ao verso bíblico que diz ''No mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo''.

Setembro Amarelo

Em paralelo aos exercícios  sistêmicos e atendimentos individuais, o Núcleo de Práticas Sistêmicas aderiu à Oficina Despertar. Em parceria com os núcleos de Saúde Mental e de Mediação e Gestão de Conflitos, a iniciativa tem percorrido municípios cearenses com o  objetivo de conscientizar sobre a prevenção ao suicídio e enfatizar a importância do cuidado com a saúde mental.

As orientações são passadas com o apoio da cartilha "Oficina Despertar", criada pelas profissionais do DSAS e publicada pelo Instituto de Estudos e Pesquisas sobre o Desenvolvimento do Estado do Ceará (Inesp).

A coordenadora do Núcleo de Práticas Sistêmicas e Restaurativas da Assembleia, Selma Machado, destacou que o material transmite orientações de como lidar com as emoções, ensinando a como se deve gerenciá-las, “saindo do adoecimento psíquico e encontrando alternativa para conduzir a vida de forma saudável”.

As atividades do Setembro Amarelo estão sendo realizadas pelos Núcleos de Saúde Mental, de Práticas Sistêmicas Restaurativas e de Mediação e Gestão de Conflitos, do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) e da Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio.

JB

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/ 

     

Lido 739 vezes Última modificação em Quarta, 15 Setembro 2021 17:04

Itens relacionados (por tag)

Entre para postar comentários