Fortaleza, Sábado, 25 Junho 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
Quinta, 29 Julho 2021 07:44

Saiba como evitar acidentes com animais peçonhentos Destaque

Avalie este item
(1 Voto)
Saiba como evitar acidentes com animais peçonhentos Arte: Bruna Bringel/ Núcleo de Comunicação Interna da AL

Acidentes com animais peçonhentos intensificam-se entre os meses de julho e setembro, período do acasalamento e reprodução dos ofídios em nossa região. Ciente dessa realidade, a 7ª Companhia do 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros, sediada na Assembleia Legislativa do Ceará, traz orientações para a população a fim de evitar novos casos.

Entre os meses de janeiro e agosto de 2020, o Estado do Ceará contabilizou 4,8 mil acidentes e 10 óbitos causados por animais peçonhentos. Desse total, 862 foram acidentes causados por serpentes e 3.052 de escorpiões, o que demonstra a necessidade de serem adotadas atitudes por todos para evitar novos casos.  

Com a flexibilização do decreto estadual que permite atividades ao ar livre, o tenente coronel Emerson Bastos, subcomandante da Companhia orienta que é preciso tomar medidas de preventivas ao acampar, pescar, nadar ou fazer trilhas.

A recomendação para quem for fazer trilha é utilizar botas de cano longo, evitar colocar a mão em buracos e evitar mexer em troncos ou pedras diretamente com as mãos sem proteção de luvas. Em se tratando de cobras as atenções devem ser redobradas.

''No caso de acampamento, o ideal é não instalar as barracas próximo a áreas onde há roedores (plantações, pastos ou matos) e evitar piqueniques às margens de rios, lagos ou lagoas, áreas percorridas pelos animais em busca de água, e não se encostar em barrancos durante pescarias ou outras atividades'', orienta o oficial bombeiro.

Medidas de prevenção também devem ser tomadas nas residências, sendo recomendada a limpeza regular de móveis, cortinas, quadros, cantos de paredes e dos locais próximos das residências (jardins, quintais e terrenos baldios), bem como o controle da presença de roedores presentes na área. Nesse trabalho é preciso sempre ter em mente que algum bicho pode estar escondido em locais, principalmente onde há pouca penetração de luz solar.

''Evitar entulho próximo às residências é importante porque pode se tornar abrigo e proteção para alguns destes animais. Também é recomendado como forma de prevenção, a inspeção de roupas, calçados e toalhas de banho antes do uso e o uso de equipamento de proteção individual como luva e sapato fechado para o manuseio de materiais de construção'', acrescenta.

Primeiros socorros

Se mesmo com essas recomendações o indivíduo avistar um animal peçonhento, a orientação é afastar-se com cuidado, evitar assustá-lo ou tocá-lo, mesmo que ele pareça sem vida. "Jamais subestime a picada, leve a vítima ou dirija-se ao hospital mais próximo rapidamente, principalmente se for uma picada de cobra e não faça torniquete, corte ou perfuração ao redor do ferimento ou sucção na área e não aplique nenhum produto sobre a picada para não agravar o estado de saúde da vítima'', orienta.

JB

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Lido 689 vezes Última modificação em Quinta, 29 Julho 2021 09:04
Entre para postar comentários

Temos 365 visitantes e Nenhum membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500