Fortaleza, Domingo, 23 Janeiro 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

A Assembleia Legislativa do Ceará promoveu, nesta quarta-feira (08/09), duas ações alusivas à campanha Setembro Amarelo: o Plantão Acolher Amarelo e a entrega de laços e folders a parlamentares, servidores e público externo que visita a Casa. As ações ocorreram de forma simultânea, pela manhã, dando continuidade à atuação da Alece na conscientização sobre medidas necessárias para a prevenção ao suicídio.

O Plantão Acolher Amarelo, projeto do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS), da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (Alece), iniciou, a partir desta quarta-feira, atendimento no Comitê de Imprensa da Casa, com quatro psicólogas dentro da programação do Setembro Amarelo.

O Plantão Psicológico foi ampliado para ser realizado durante todos os dias úteis da semana, a partir desse mês de setembro, na sede do DSAS, que fica no Anexo III (Edifício Deputado Francisco das Chagas Albuquerque). “No momento é exclusivo para o servidor da Assembleia e seus dependentes por conta da pandemia do COVID-19, mas posteriormente estará aberto à comunidade”, afirma Rejane Sales, coordenadora do Núcleo de Saúde Mental, do DSAS.

Acolhimento

Na manhã desta quarta-feira, foi feito também o acolhimento dos servidores e entrega de laços amarelos e folders na sede da Casa, no hall que dá acesso ao Plenário 13 de Maio. A deputada estadual Érika Amorim (PSD), presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental, presente ao evento, ressaltou que é importante a Casa atuar em articulação com as mobilizações nacionais em torno da saúde mental.

"Nós tivemos momentos realmente difíceis, onde a saúde mental está sendo desafiada dia após dia. Por isso, é importante estimular o debate sobre o assunto, para que se tenha uma compreensão sobre os sinais. Muitas pesssoas sentem dificuldades de falar sobre os sentimentos, especialmente os homens. Mas a gente busca trazer à consciência estes sinais para que os familiares, amigos e pessoas que estão próximos possam perceber e oferecer a sua escuta afetiva de fato", defendeu. Ela acentuou que também deve ser estimulada a procura de um profissional para fazer o acolhimento e avaliar o estado da pessoa.

A entrega dos laços e folders foi feita em conjunto pelo Núcleo de Saúde Mental, DSAS e Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental.    

Sobre o Plantão Psicológico

Segundo a orientadora da Célula de Psicologia, Maria da Conceição Guerra Martins, o Plantão Psicológico já atuava com sucesso na sede do DSAS e agora com o apoio do Núcleo de Saúde Mental irá além. “O plantão será também para informações e retirada de dúvidas possíveis sobre saúde mental. Posteriormente, vamos formar um grupo psicoeducativo com roda de conversas sobre o luto pós-suicídio", afirma Conceição Guerra. O grupo será denominado "Você se foi e Eu fiquei".

A coordenadora do Núcleo de Saúde Mental, Rejane Sales, destaca que o Movimento Setembro Amarelo deveria ser desenvolvido o ano todo, pela premência do tema prevenção a suicídio. "Mas temos este momento como uma bandeira, porque precisamos falar de saúde mental, no sentido de conscientizar servidores, ampliar informações para que tenhamos formas de ajudar quem precisa". Ela acentua que muitas vezes as pessoas não falam o que sentem e realizam o suicídio, por ser essa uma prática com muitas motivações.

"Muitas vezes as pessoas elencam o suicídio como resultante de depressão. Mas não é só isso. Ele está ligado a transtornos, perdas, e outros fatores. Então é preciso que os servidores atentem para pessoas que podem estar próximas e adoecidas. Por isso, esse movimento é importante, no sentido e conscientizar e acolher a quem precisa. Neste sentido, estamos realizando o plantão Setembro Amarelo", afirma.

A psicóloga Raquel Penaforte, que está participando do atendimento aos servidores no Comitê de Imprensa da Alece, informa que o plantão é uma parceria do Núcleo de Saúde Mental com a Célula de Psicologia do DSAS. "Ele vai funcionar todas as quartas-feiras durante o mês de setembro, para qualquer pessoa que buscar o atendimento, de 9 horas às 13 horas. Posteriormente também haverá plantão na sede do Departamento, voltado aos servidores", adianta. Ela explica que é uma ação emergencial e não um procedimento terapêutico de longa duração. "Será a primeira sessão e depois haverá mais três retornos", frisa.

Agenda

Para esta quinta-feira (09/09) está prevista a realização da Blitz da Saúde Mental. A atividade será realizada nas esquinas das avenidas Pontes Vieira com Desembargador Moreira e rua Barbosa de Freitas. Na sexta-feira (10/09) está programada a solenidade do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio no Anexo III, prédio onde fica localizado o Departamento de Saúde e Assistência Social da Assembleia. Os setores envolvidos solicitam aos servidores da Casa que participem da atividade com roupas de cores branca ou amarela.

A mobilização para a programação do Setembro Amarelo na Assembleia Legislativa é desenvolvida pelo Núcleo de Saúde Mental, Núcleo de Práticas Sistêmicas Restaurativas, Núcleo de Mediação e Gestão de Conflitos, Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio e Célula de Psicologia do DSAS.

JS/SC com Assessoria de Imprensa do DSAS

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Dentro da programação do Setembro Amarelo, de prevenção ao suicídio, a Assembleia Legislativa do Ceará, por iniciativa da primeira-dama Cristiane Leitão, apresenta medidas em defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio. Ela enfatiza o compromisso e a participação de todos que compõem o Poder Legislativo no que se refere à saúde mental e a importância da iniciativa para a sociedade cearense.

"Entre as ações urgentes a serem realizadas, estamos com uma importante estratégia a conscientização de adolescentes e jovens acerca do tema, o debate franco e aberto sobre o enfrentamento da depressão e o combate ao suicídio", pontua.

Para a programação do Setembro Amarelo, foram somados esforços, conforme ressalta Cristiane Leitão. "Unimos neste momento os Núcleos de Saúde Mental, de Práticas Sistêmicas Restaurativas e o de Mediação e Gestão de Conflitos e do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) da Casa para juntos promovermos ações efetivas e consistentes para melhorar o bem-estar mental de todos”, afirma. 

A primeira dama do Legislativo afirma que o Poder Público precisa se fazer presente na vida das pessoas. "A Assembleia do Estado do Ceará vem cumprindo esse papel. Nossa luta é para que possamos alcançar o bem-estar pessoal e beneficiar toda a sociedade”, pontua. 

Atividades do Setembro Amarelo

Confira as ações do Setembro Amarelo que irão se desenvolver nesta semana:

08/09: Acolhimento dos servidores e entrega de laços amarelos na sede da Casa, além do acolhimento psicológico em formato de plantão a ser realizado no Comitê de Imprensa, das 9 horas às 13 horas. A atividade será realizada sempre às quartas-feiras, até o dia 29 de setembro.

09/09: Blitz Saúde Mental. O evento acontece nas esquinas das avenidas Pontes Vieira com Desembargador Moreira/ Barbosa de Freitas.

10/09: Solenidade do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio no Anexo III (Edifício Deputado Francisco das Chagas Albuquerque), prédio onde fica localizado o Departamento de Saúde e Assistência Social da Assembleia. A solicitação é para que os servidores da casa venham com roupas de cor branca ou amarela.

A mobilização, para a programação do Setembro Amarelo na Assembleia Legislativa, é desenvolvida pelo Núcleo de Saúde Mental, Núcleo de Práticas Sistêmicas Restaurativas, Núcleo de Mediação e Gestão de Conflitos, Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio e Célula de Psicologia do DSAS.

No vídeo abaixo, acompanhe Cristiane Leitão destacando a importância dessas ações.

 

JS, com Assessoria de Imprensa do DSAS

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Publicado em Categoria Matriz

O mês de setembro é dedicado à prevenção ao suicídio, por meio da campanha Setembro Amarelo, com várias atividades na Assembleia Legislativa do Ceará. A iniciativa criada no Brasil em 2015 visa conscientizar a população sobre a realidade do suicídio e mostrar que existe prevenção. Neste ano, a  campanha tem como slogan "Agir salva vidas", com o objetivo de alertar as pessoas sobre como identificar alguém que precisa de ajuda e tratamento psicológico.

O diretor do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) da Alece, Luis Edson Sales, destaca que o Departamento e o Poder Legislativo estão engajados na campanha e que ao longo do mês várias atividades  alusivas  à campanha Setembro Amarelo serão realizadas para fortalecer o cuidado preventivo junto à população.

''As ações do Setembro Amarelo da Assembleia são de grande valia  não apenas para o nosso público  interno, mas para toda a sociedade. Precisamos  falar do assunto de forma clara e direta. Temos o compromisso  e estamos  todos engajados para prestar um serviço de excelência'', destaca o diretor do DSAS em vídeo produzido pelo Departamento, em parceria com o Núcleo de Comunicação Interna da Casa e com o apoio da TV Assembleia.

Saiba mais

A mobilização ao Setembro Amarelo na Assembleia Legislativa é realizada pelo Núcleo de Saúde Mental, Núcleo de Práticas Sistêmicas Restaurativas, Núcleo de Mediação e Gestão de Conflitos, Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio e Célula de Psicologia do DSAS.

Conforme ressalta Luis Edson Sales, a saúde mental ganhou ainda mais atenção com os impactos causados pela pandemia da Covid-19. ''Neste cenário, o DSAS está trabalhando  no cuidar  e no  acolhimento aos servidores  e servidoras da Casa em defesa da saúde mental, combate à depressão  e ao suicídio'', pontua.

Confira abaixo da matéria o vídeo em que o diretor do DSAS, Luis Edson Sales, trata da campanha.

JB, com Assessoria de Imprensa do DSAS

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Publicado em Categoria Matriz

A Assembleia Legislativa do Ceará promove diversas atividades relativas ao Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio, contemplando ações internas e externas. A Casa iniciou, nessa quarta-feira (01/09), com a iluminação e a fixação do laço amarelo no seu prédio principal, a programação da campanha alusiva ao Setembro Amarelo de prevenção ao suicídio.

Durante o mês, a Casa realizará uma série de atividades envolvendo parlamentares e servidores em ações para fortalecer o cuidado preventivo junto à população.

A Associação dos Servidores da Assembleia (Assalce), em apoio ao Setembro Amarelo, realizará uma campanha informativa em suas redes sociais, abordando o tema "Saúde Mental no Ambiente Corporativo". Segundo pesquisas, os transtornos mentais são a terceira causa mais frequente de afastamento do trabalho.

Por esse motivo, semanalmente serão apresentadas informações sobre os fatores necessários para um ambiente de trabalho saudável, por meio de um olhar humanizado. "Entendemos que cuidar da saúde mental influencia diretamente nosso modo de trabalhar, aumentando a produtividade, melhorando o convívio com os colegas, tornando mais ágil a solução dos problemas e gerando maior satisfação com o trabalho", pontua Virgínia Bastos, Assessora de Marketing e Comunicação da Assalce.

Programação tem várias atividades

Além de solenidades, seminários virtuais, panfletagem e plantões de atendimento especializado, foi também elaborada uma cartilha para a realização de oficina com adolescentes de escolas públicas do interior do Estado. Serão visitados os municípios de Quixadá, Caucaia, Baturité, Sobral, Maracanaú, Aracati, Aquiraz, Horizonte, Morada Nova, Cascavel e Fortaleza.

Na quarta-feira (08/09), a Alece realiza a abertura do Setembro Amarelo e inicia os atendimentos psicológicos do Plantão Acolher Amarelo, que segue até 29 de setembro sempre às quartas-feiras, das 9 horas às 13 horas.

Já na quinta-feira (09/09) acontece a panfletagem e distribuição de lacinhos amarelos com a participação de deputados e servidores da Casa. Na sexta-feira (10/09), será realizada a solenidade do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio.

A partir do dia 13 de setembro, começam as oficinas nos municípios do interior do Estado que seguem até dia 30 de setembro. No dia 14/09, a programação conta com ações direcionadas ao servidor do Legislativo, como o  webinar "Suicídio: prevenção e posvenção frente ao suicídio”.

A programação segue com a oficina "Alegria de Viver”, com moradores da comunidade do Pio XII, no dia 15/09. No dia 16/09, haverá o lançamento do livro “Depressão e Suicídio”. Já no dia 21/09 será realizado o Webinar "A perspectiva sistêmica diante do comportamento suicida”, enquanto no dia 27/09 ocorre a roda de conversa “Você se foi e eu fiquei - Um olhar para o luto pós-suicídio”.

No dia 28/09 será a vez do Webinar "O agravo da solidão na pessoa idosa e as consequências para a cognição” e, no mesmo dia, serviço de atendimento especializado ao público idoso. No dia 29/08 haverá o grupo psicoeducativo “Trabalhando com prevenção: como identificar sintomas depressivos e ansiosos”.

Saiba mais

Setembro Amarelo é uma iniciativa direcionada à prevenção do suicídio de envolvimento internacional, com o objetivo de oferecer intervenção preventiva a grupos vulneráveis com amparo e conscientização de jovens e adolescentes acerca da luta contra o suicídio e da defesa dos cuidados relacionados à saúde mental.

A mobilização na Assembleia Legislativa é realizada pelo Núcleo de Saúde Mental, Núcleo de Práticas Sistêmicas Restaurativas, Núcleo de Mediação e Gestão de Conflitos, Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio e Célula de Psicologia do Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS).

O objetivo é oferecer estratégias para o reconhecimento de emoções, autocuidado, prevenção à autolesão, comunicação não violenta, formas de solicitar ajuda e possibilidades de atendimento.

Do Núcleo de Comunicação Interna, com Assessoria de Comunicação e Marketing da Assalce e Agência de Notícias da Alece

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/       

Publicado em ASSALCE

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Evandro Leitão (PDT), anunciou nesta quarta-feira (01/09), em transmissão ao vivo pelas redes sociais, o início da campanha Setembro Amarelo no Parlamento Estadual. Ao longo do mês, a Casa realizará uma série de atividades com o objetivo de levar mais informações sobre saúde mental e prevenção ao suicídio na capital e no interior.

Parlamentares e servidores vão integrar ações para fortalecer o cuidado preventivo junto à população, como solenidades, seminários virtuais, panfletagem e plantões de atendimento especializado. Uma cartilha foi elaborada para a realização de oficina com adolescentes de escolas públicas do interior do Estado. Serão visitados os municípios de Quixadá, Caucaia, Baturité, Sobral, Maracanaú, Aracati, Aquiraz, Horizonte, Morada Nova, Cascavel e Fortaleza.

Evandro Leitão destacou ainda na live que, a cada ano, o Parlamento Estadual tem se dedicado mais na elaboração de políticas voltadas à pauta da saúde mental da população. “Aqui na Assembleia Legislativa, iniciamos o debate sobre o tema desde 2019, com a criação da Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio, que tive a honra de sugerir a criação e presidir. Em março deste ano, inauguramos o Núcleo de Saúde Mental, na Casa, e em maio aprovamos o projeto que institui o Fundo Estadual em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio”, detalhou.

Saiba mais

O Setembro Amarelo é uma iniciativa direcionada à prevenção do suicídio de envolvimento internacional, com o objetivo de oferecer intervenção preventiva a grupos vulneráveis com amparo e conscientização de jovens e adolescentes acerca da luta contra o suicídio e a defesa dos cuidados relacionados à saúde mental.

A mobilização na Assembleia - realizada pelo Núcleo de Saúde Mental, Núcleo de Práticas Sistêmicas Restaurativas, Núcleo de Mediação e Gestão de Conflitos, Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio, Célula de Psicologia e Departamento de Saúde e Assistência Social (DSAS) - tem o intuito de oferecer estratégias para o reconhecimento de emoções, autocuidado, prevenção à autolesão, comunicação não violenta, formas de solicitar ajuda e possibilidades de atendimento.

Da Assessoria de Imprensa da Alece

 

Núcleo de Comunicação Interna da Alece

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829; Telefone: 85.3257.3032

Página: https://portaldoservidor.al.ce.gov.br/

Temos 80 visitantes e Nenhum membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500