Fortaleza, Sábado, 25 Junho 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

O 47º Encontro do curso "Em Rodas de Biblioterapia", realizado nesta quinta-feira (07/11), teve a poética do escritor e ex-deputado estadual Francisco Caminha, que apresentou o livro de sua autoria, "O Domador - Uma Jornada com Encontro e Paixões", obra de ficção que conta a jornada espiritual de um jovem inquieto com a sua existência. O curso faz parte do programa “Assalce Entre Artes: A Arte de Viver", da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Ceará (Assalce).

De acordo com o autor, o protagonista da história parte em busca da harmonia, da superação dos medos e do sucesso em seus empreendimentos. Uma revelação superior, no entanto, o leva a conhecer mestres, visitar lugares sagrados e a vivenciar processos terapêuticos. Durante uma meditação, relembra a infância e revive emoções adormecidas.

Francisco Caminha explica que é na tentativa de modificar as crenças que impedem o seu desempenho na vida que o protagonista descobre a sabedoria contida em um mapa milenar de autoconhecimento. Esse caminho leva-o a uma razão maior de viver, principalmente quando reencontra uma grande paixão. "Na narrativa, o leitor encontrará a oportunidade de iniciar seu próprio processo de auto-descoberta, na medida em que se depara com as experiências vividas por diferentes tipos de personagens, com suas motivações, virtudes e paixões", frisa.

Sobre o autor

Francisco Caminha é graduado em Direito e mestrando em Ciência Política pela Universidade de Lisboa, diplomado pela Academia Metropolitana de Letras de Fortaleza. Também já exerceu mandatos de vereador de Fortaleza. Seus estudos tiveram como foco o Eneagrama, as constelações sistêmicas familiar e organizacional, além de terapias como Nexus e o Renascimento (terapia da respiração e a de cura da criança interior). Ele informa ainda que há 30 anos realiza cursos e participa de formações nas áreas da espiritualidade e de autoconhecimento.

Após a poética, a Cozinha Vintage serviu aos presentes pães e suco de uva, que são alimentos universais em praticamente todas as culturas ocidentais. Lilian Rêgo, que coordena a cozinha, juntamente com Jacqueline Assunção, explicou que o alimento servido procura fazer um diálogo com o tema abordado. "Em Rodas em Biblioterapia” é coordenado por Jacqueline Assunção e Lilian Rêgo com a supervisão do presidente da Assalce, Luís Edson Corrêa.

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

Publicado em ASSALCE

Um sarau de poesias marcou a Semana do Servidor, nesta quarta-feira (30/10), dentro do curso "Em Roda de Biblioterapia", da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Ceará (Assalce). A apresentação, realizada do auditório do Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa,  foi conduzida pelo poeta, mestre em literatura e artes Luís Carlos de Castro, conhecido como Lucarocas, e pelo poeta popular e dramaturgo Aldo Anísio, idealizador do projeto Cordel Vivo.  A platéia foi também ocupada pelos alunos da Escola de Ensino Fundamental e Médio Anísio Teixeira, do bairro Pan Americano, de Fortaleza.

A apresentação da dupla coube ao servidor Pio Barbosa, que destacou a qualidade literária dos dois poetas. Ele assinalou também que a poesia e o cordel fazem parte "da riqueza cultural do Ceará". O servidor enalteceu, ainda, o trabalho do presidente da Assalce, Luís Edson Corrêa, que segundo ele, abriu as portas da entidade para atividades artísticas e culturais. Também foi destacada a coordenação do programa "Entre Artes", conduzido pelas servidoras Jacqueline Assunção e Lilian Rego, que abrange o curso "Em Rodas de Biblioterapia".

Durante o sarau foram recitados poemas como "Versos íntimos", de Augusto dos Anjos, por Lucarocas, "Conversa de égua", do cordelista cearense Klévisson Viana, e "Perdeu a mulher para o Facebook", de Tássio Viana, por Aldo Anísio, que encantaram e divertiram a plateia. No final, em dueto, foi interpretado o poema "Amor a vida sonho de Deus".

Poetas elogiam sarau

Aldo Anísio disse que a participação na Semana do Servidor foi de grande felicidade. "É a segunda vez que participo de um sarau na Assembleia Legislativa. Senti uma energia muito boa por conta da plateia presente", afirmou. Para ele, hoje, o cordel e o repente estão em evidência no Ceará. "Os espaços estão se abrindo e o público de uma maneira geral está recebendo bem os cordelistas e poetas populares e, sobretudo, a literatura de cordel", comemorou.

Lucarocas disse ser grato pelo convite da Assalce. "Iniciativas como essa precisam acontecer com mais frequência, para que os servidores e o público em geral percebam que nesta Casa Legislativa tem muita gente pensando na nossa cultura. Aqui, certamente, temos apreciadores das expressões artísticas e também bons autores, bons escritores e, acima de tudo, bons poetas", afirmou.

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

          

           

Publicado em ASSALCE

A assistente social e arte terapeuta Claudia Leocádio Dias foi a responsável pela poética do 37º encontro do curso "Em Rodas de Biblioterapia", do Programa "Assalce Entre Artes: A Arte de Viver", promovido pela Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Ceará, na última quinta-feira (09/08). Ela abordou a obra "O tempo entre costuras", da escritora espanhola Maria Dueñas, durante evento realizado no auditório Aquiles Peres Mota, da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Ceará (Assalce).

A obra abordada conta a história conta a história de Sira Quiroga, uma simples costureira espanhola, filha de mãe solteira, sem grandes ambições, ambientada no período da revolução espanhola. Seu namorado Ignacio logo a pede em casamento, mas uma paixão por outro homem, Ramiro, faz com que ela rompa seu relacionamento e vá embora com o amante para o Marrocos.

Antes da partida, Sira conhece seu pai e recebe dele uma herança. E no novo país Ramiro aplica-lhe um golpe. Sozinha, assustada e sem recursos, a moça ganha, por caridade, um quarto na pensão da muambeira Candelária, e é essa nova amizade que propõe um negócio ilegal e perigoso para conseguir dinheiro e recomeçar a vida.

Reinvenção

Cláudia Leocádio, que é também consultora em desenvolvimento de projeto socioambiental, nominou a sua poética sobre o livro de "de Maria para Marias", por mostrar os aspectos comuns que existem na vida de todas as pessoas, apesar das singularidades trajetória de cada uma. "A autora Maria Dueñas mostra a todas nós, outras Marias, que podemos nos reinventar dentro de nossas possibilidades e assumir cada uma o rumo que deseja dar a sua vida", afirma.

Ela observa ainda que dentro de cada pessoa existe "um tesouro que precisa ser descoberto, e que dependendo dos nossos esforços podemos nos encontrar com as nossas riquezas". Para tanto, segundo ela, precisamos valorizar a própria vida e escolher atitudes positivas "para superar os obstáculos", acentua.

O curso Rodas em Biblioterapia é coordenado Por Lilian Rego e Jacqueline Assunção, com a supervisão do presidente da Assalce, Luís Edson Corrêa.

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

Publicado em ASSALCE

No próximo dia 6 de abril, às 19 horas, a TV Assembleia (canal 31.1 e 61.3) exibe o Perfil Entrevista, com a pesquisadora e escritora Isabel Lustosa. Um programa produzido e realizado pelo Núcleo de Documentário da emissora.

A sobralense Isabel Lustosa é historiadora, ensaísta e escritora brasileira e atua como pesquisadora da Fundação Casa de Rui Barbosa. É doutora em Ciências Políticas pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ). Trabalhou, ainda, no Museu da República e no IPHAN. Seus estudos sobre a história da imprensa no Brasil trouxeram-lhe destaque nacional.

Isabel Lustosa é autora do livro infantil “A História dos Escravos”, que recebeu o certificado de “altamente recomendável” pelo Instituto Nacional do Livro Infanto Juvenil/ Fundação Nacional do Livro/Ministério da Cultura. É autora de livros como: “Dom Pedro I: um herói sem nenhum caráter”, “O nascimento da imprensa brasileira”, “O Chico e o avô do Chico”, “Brasil pelo método confuso – humor e boemia em Mendes Fradique” e “Caricatura”.

O Núcleo de Documentários é coordenado por Ângela Gurgel que, também, sonorizou e finalizou o programa, pelas jornalistas Ana Célia Oliveira, Janaína Gouveia, Arituza Timbó e, ainda, pelos profissionais de audiovisual Vinicius Augusto Bozzo e Marcelo Alves. A edição do programa e videografismos são de Daniel Cardoso e a fotografia de Máximo Moura.

A reprise do programa vai ao ar no domingo, dia 7 de abril, a partir das 22 horas.

Publicado em Agenda Cultural

A Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace) vai sediar no dia 13 de fevereiro, às 19 horas, na sala B do primeiro andar do Prédio Deputado José Euclides Ferreira Gomes, a palestra “Literatura e loucura: os escritos do devaneio”. A atividade é uma realização da pós-graduação do Instituto Dom José (IDJ) em parceria com a Unipace, e será ministrada pelo professor Emanuel Ramos para a turma de Psicologia das Relações Humanas e demais interessados.

De acordo com a coordenadora do curso, professora Rosa Abreu, o objetivo da palestra é promover o aprofundamento e reflexão sobre o tema, além de permitir às pessoas conhecerem a especialização do IDJ.

Conforme explica o professor Emanuel Ramos, a temática faz referência a conteúdos da disciplina “Teorias da Subjetividade”. A abordagem da palestra reflete a escrita como “condição e possibilidade de reinvenção do sofrimento psíquico do sujeito”, ou seja, a produção de textos como uma atividade terapêutica.

Durante a palestra, serão abordados obras como "O cemitério dos vivos", de Lima Barreto e "Memórias de um doente dos nervos", de Daniel Paul Schereber, que é considerado um clássico da psicanálise, segundo o professor. Ele explica ainda que Sigmund Freud utilizou este livro com elemento de fundamentação dos seus estudos da psicanálise.

Emanuel Ramos esclarece ainda que a palestra irá também abordar uma das questões tratadas pela especialização de Psicologia da Relações Humanas, que é a discussão sobre o que é normal e o que é patológico. O evento é gratuito, aberto ao público e com direito a certificado. Para mais informações, o contato é o telefone 85.3257.7871.

InícioAnt12PróximoFim
Página 2 de 2

Temos 868 visitantes e Nenhum membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500