Fortaleza, Domingo, 23 Janeiro 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática

O cinema e a música mundiais tiveram nesta semana uma grande perda. O maestro italiano EnnioMorricone, de 91 anos, partiu na segunda-feira (06/07), após sofrer uma queda em sua residência, em Roma e passar alguns dias internado. O compositor deixou um legado de trilhas sonoras marcantes em mais de 500 trabalhos. Suas composições estão presentes em filmes de grandes cineastas, como Sergio Leone, Quentin Tarantino, Roman Polanski, Giuseppe Tornatore e outros.

Conheça alguns destes trabalhos, que estão presentes no serviço de streaming. Os filmes são igualmente interessantes para quem aprecia grande cinema e trilhas sonoras instrumentais de qualidade. Vistos em conjunto, oferecem uma rica amostra da qualidade das trilhas sonoras de EnnioMorricone.

Confira os títulos:

Três Homens em Conflito (1966) – Realizado por Sergio Leone, um dos principais parceiros do compositor, o tema de Três Homens em Conflito é um dos seus mais conhecidos trabalhos, sendo uma das mais famosas da história do cinema. Mesmo aqueles que desconhecem o filmecertamente já ouviram esse tema pelo menos uma vez, pois foi bastante reproduzido desde o seu lançamento. A trilha é vista por especialistas como sinônimo de faroeste. O filme é ainda responsável por lançar ao estrelato o então pouco conhecido ator Clint Eastwood. Onde ver: Telecine Play, Looke, NetMovies / Apple TV (para alugar).

Era uma vez na América (1984)–Também dirigido por Leone, com grande elenco (Robert De Niro, James Woods, Joe Pesci e a então estreante Jennifer Connelly). Morricone encerrou sua parceria com Leone em grande estilo. Em seu último filme, o cineasta italianodeixou o western de lado para se dedicar à máfia, contando a saga de gângsteres judeus na Nova York do começo do século 20 até a década de 1960 (portanto, narrando a trama desde a infância do grupo). Trata-se de um filme ambicioso, feito na esteira de diversas produções relativas à máfia nos anos 1970 e 1980 por cineastas como Francis Ford Coppola e Martin Scorsese. A trilha deMorricone é marcante, com temas bem definidos e, curiosamente, com um toque sentimental a um gênero violento. Onde ver: Amazon Prime Video e Telecine Play.

Os Intocáveis (1987) – Um dos mais célebres filmes da década de 1980, em que o diretor Brian De Palma retrata o embate entre Eliot Ness (Kevin Costner), agente federal do Tesouro Americano, e Al Capone (Robert De Niro), chefe da máfia. A trilha de Morricone é um personagem à parte e é considerada por muitos como um dos seus cinco melhores trabalhos. Imponente desde a abertura do filme, junto com os créditos, o trabalho passeia por diversos gêneros, desde temas infantis a composições de suspense e recorre a trechos de Ópera em momentos trágicos. Por seu trabalho, o compositor venceu o prêmio Bafta e recebeu indicações ao Globo de Ouro e ao Oscar. Onde ver: Telecine Play / Google Play e Microsoft Store (para alugar).

Cinema Paradiso (1988) – Neste vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro (1989) de Giuseppe Tornatore, o cineasta Salvatore Di Vita (Jacques Perrin) recorda a infância em uma pequena cidade italiana e como descobriu o cinema, na amizade que nutriu com o projecionista Alfredo (Phillipe Noiret). As atuações de Perrin, Noiret e Salvatore Cascio (que interpreta o protagonista quando criança), somadas a um clima onírico e, principalmente, à trilha emocionante de Morricone, tornam este um espetáculo inesquecível, sobretudo no seu trecho final. Onde ver: Now.

Os Oito Odiados (2015) – O retorno de Morricone ao gênero western se deu pelas mãos do cineasta Quentin Tarantino, que o recrutou para um dos seus trabalhos mais controversos. Com grande elenco (Samuel L. Jackson, Jennifer Jason Leigh e Kurt Russell, dentre outros), o filme dividiu a crítica, mas agradou à maioria dos fãs de Tarantino ao mostrar o embate entre personagens arquetípicos da sociedade estadunidense em um cenário inóspito. No entanto, um consenso ficou: a trilha sonora. Mesmo já perto do final da produtiva carreira de Morricone, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood buscou corrigir injustiças anteriores e finalmente deu um Oscar de Melhor Trilha Sonora para o maestro italiano. A obra de Tarantino tem bastante influência dos filmes da dupla Sergio Leone/Morricone. Onde ver:  Amazon Prime Video e HBO GO / Google Play e Apple TV (para alugar).

SC, com informações dos sites Huffpost Brasil e Veja

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp: 85.99147.6829

 

Publicado em Agenda Cultural

Com o fim do Carnaval, é retomado o período de boas estreias nos cinemas fortalezenses. Uma das principais atrações deste período é "Os Miseráveis", dirigido por Ladj Ly. Um dos longas mais festejados de 2019 em todo o mundo, "Os Miseráveis" foi o candidato da França ao Oscar de melhor filme internacional neste ano, mas perdeu a estatueta para "Parasita" (Coreia do Sul), do diretor Bong Joon Ho - o grande vencedor da premiação estadunidense realizada há menos de um mês.

Na trama, Stéphane (Damien Bonnard) é um jovem que acaba de se mudar para Montfermeil e se junta ao esquadrão anti-crime da comuna. Ao atuar no mesmo time de Chris (Alexis Manenti) e Gwada (Djibril Zonga), dois homens de métodos considerados pouco convencionais, ele logo se vê envolvido na tensão entre as diferentes gangues do local.

A produção teve melhor sorte no Festival de Cannes de 2019, no qual dividiu o prêmio do júri com o brasileiro "Bacurau", de Kléber Mendonça Filho e Juliano Dornelles. A crítica aponta o filme como uma ficção com fortes elementos de documentário, ao retratar as desigualdades sociais que descambam para a violência na Europa.

Serviço: "Os Miseráveis" (França, 2019). Direção: Ladj Ly. Em exibição no Cinema do Dragão. Sessões: 18 horas e 20 horas. Duração: 102 minutos. Classificação indicativa: 14 anos. Em exibição até 04/03.

SC

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

Publicado em Agenda Cultural

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura oferta uma programação para a criançada aproveitar o período de férias escolares neste domingo (15/12). Quem visitar o espaço vai se deparar com dezenas de crianças pulando amarelinha, brincando de pega-pega, aprendendo a confeccionar brinquedos tradicionais como peão, carrinhos, pipa e bambolê e se lambuzando com muita tinta guache.

Os papais e mamães podem ficar despreocupados que o projeto Brincando e Pintando no Dragão é conduzido por uma equipe de recreadores. A atividade será realizada na Praça Verde, a partir das 16 horas.

Ainda no domingo, a magia do circo toma conta  da Praça Verde do Dragão do Mar, a  partir das 18 horas. A Cia Lamparim faz uma homenagem a todos os palhaços do Brasil com o espetáculo “Ser Tão PALHAÇOS”, que reúne vários números clássicos de circo em um só espetáculo. Sempre em um tom aberto ao contato direto com o público, o jogo e o improviso,ficam por conta do humor dos palhaços Bom Birom, Kabuki, Talyso.

Cinema

O cinema também é destaque com a mostra “O Cinema de Hong Sang-Soo: A repetição da vida”, que exibirá oito longas-metragens do cineasta sul-coreano Hong Sango-soo, até o dia 18 de dezembro. As sessões são gratuitas e a mostra também conta com rodas de conversa para discutir dramaturgia a partir dos filmes exibidos.

Com curadoria de Samuel Brasileiro, Isabel Veiga e Vitor Medeiros, a proposta é trazer filmes que já foram exibidos em Fortaleza e produção inéditas do diretor que já comandou mais de 20 filmes, que foram exibidos em importantes festivais do mundo como os de Cannes, Berlim e Locarno.

Confira a programação completa com horários e sessões no link https://bit.ly/2LRMlKi.

JB

(Com informações do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura)

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829           

Publicado em Agenda Cultural

Dois filmes que devem ser indicados aos principais prêmios do cinema, como o Globo de Ouro e o Oscar de 2010, estreiam em Fortaleza nesta quinta-feira (05/12). "Dois Papas", de Fernando Meirelles, e "As Golpistas", de Lorene Scafaria. Os dois filmes já despontam em algumas premiações realizadas nos Estados Unidos e prometem fazer sucesso no Brasil.

Também segue em cartaz "A Revolução em Paris", de Pierre Schoeller, após conquistar público cada vez maior entre os fortalezenses (suas exibições iniciais foram no Festival Varilux de Cinema Francês). Os admiradores da sétima arte têm a oportunidade de assisti-los nas principais salas da cidade.

Dois Papas

Em "Dois Papas", o cardeal argentino Jorge Bergoglio (Jonathan Pryce) está decidido a pedir a aposentadoria, devido a divergências sobre a forma como o papa Bento XVI (Anthony Hopkins) tem conduzido a Igreja. Mas ele é surpreendido com o convite do próprio papa para visitá-lo.  A história apresenta um ciclo dinâmico de perspectivas à medida que um homem cresce para entender a experiência, a espiritualidade e a teologia do outro.

Eles precisam esticar suas visões de mundo hemisféricas e eclesiais do norte e do sul, enquanto lutam em frente ao altar em uma capela de 500 anos de idade incrivelmente bonita. Muito diálogo e esperança para a humanidade e a igreja são mostrados para um público do século 21 de maneiras inesperadas. Bento XVI é o papa, mas a confiança de Bergoglio em responder ao homem mais velho está enraizada na humildade.

O filme tem na direção o brasileiro Fernando Meirelles, já indicado ao Oscar por "Cidade de Deus" (2002). Há uma cena no final do filme, após os créditos, que está aberta à interpretação. Por isso não deixe de assistir. Meirelles diz que é o lugar onde Deus o chamou.

Nos papeis principais, Jonathan Pryce e Anthony Hopkins são tidos como fortes candidatos às categorias de atuação em premiações como o Sindicato dos Atores, Globo de Ouro e o Oscar de 2020, que em breve divulgarão suas listas de indicados.

As Golpistas

Em entrevista concedida a Elizabeth (Julia Stiles), jornalista da New York Magazine, a ex-stripper Destiny (Constance Wu) conta em detalhes como conseguiu o emprego e conheceu Ramona (Jennifer Lopez), ícone do meio que logo se tornou sua grande amiga. Devido à crise financeira que abalou Wall Street em 2008, Destiny e Ramona viram o declínio na quantidade de clientes na boate em que trabalham afetar sua própria rentabilidade. Com isso, decidem elas mesmas iniciar um plano onde, juntamente com algumas amigas, vão atrás de homens em restaurantes para, após dopá-los, faturar em cima de seus cartões de crédito.

De forma surpreendente, o filme tem obtido boa recepção da crítica, fazendo inclusive com que Jennifer Lopez seja cogitada como candidata a melhor atriz coadjuvante nas premiações cujas indicadas serão conhecidas em breve, inclusive o Globo de Ouro, Sindicato dos Atores e o Oscar de 2020.

A Revolução em Paris

Em 1789, sob o reinado de Luís XVI, o povo francês rebela-se contra a monarquia e exige uma transformação na sociedade baseada nos princípios de liberdade, igualdade e fraternidade. A Revolução em Paris, cruza os destinos de homens e de mulheres comuns com figuras históricas. No coração da história, há o destino do rei e o surgimento da República.

A Revolução Francesa completou 230 anos em 2019. Desde sempre há produções que falam sobre como se deu a Revolução. Os ideais liberdade, igualdade e fraternidade são repetidos e deram origem a uma das melhores trilogias do cinema: a Trilogia das Cores (do cineasta polonês Krzysztof Kieślowski). "A Revolução em Paris" traz os principais acontecimentos sob a ótica do povo que participou ativamente de todo o processo.

Serviço: "Dois Papas". Direção: Fernando Meirelles. Elenco: Jonathan Pryce, Anthony Hopkins. Duração: 126 minutos. Classificação indicativa: 14 anos. Países: Reino Unido, Itália, Argentina, EUA. Ano: 2019. Local: Cine Dragão do Mar. Sessões: quinta-feira (05/12): 13h40min e 20h; sexta-feira (06/12): 13h40 e 18h; sábado (07/12): 20h; e domingo (08/12): 18h.

"As Golpistas". Direção: Lorene Scafaria. Elenco: Jennifer Lopez, Lili Reinhart, Constance Wu. Sessões: 16h20min,  18h40min e 21h no Cineplex  Via Sul; 14h, 16h30min, 18h50min, 21h20min no Cinépolis Jóquei; 14h15min,  16h35min, 18h50 e 21h20m no Cinépolis Rio Mar; 15h, 17h30min, 20h e 22h30min no Cinépolis Rio Mar Kennedy; 14h50min, 17h10min, 19h30min e 21h50min no Iguatemi; 13h35min, 16 h, 18h25min e 20h50min no Shopping Parangaba.

"A Revolução em Paris". Direção: Pierre Schoeller. Elenco: Gaspard Ulliel, Adèle Haenel, Olivier Gourmet, Louis Garrel, Izïa Higelin, Noémie Lvovsky, Laurent Lafitte. Sessões: horários 19h30min no Cinépolis Rio Mar (05/12); 14 horas (07/12 e 08/12).

JS/SC

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

Publicado em Agenda Cultural

Se você aprecia a Sétima Arte, o Cineteatro São Luiz preparou uma programação  especial  para você neste final de semana. A “Mostra George Lucas 75 anos”  prossegue até o dia 9 de novembro, com a exibição de 12 filmes do produtor cinematográfico e diretor conhecido mundialmente por ser o criador das franquias "Star Wars"  e "Indiana Jones".

Nesta quinta-feira (07/11), a sessão inicia a partir das 16 horas, com o filme "Loucuras de Verão", sucesso de crítica e público que  recebeu cinco indicações ao Oscar. Às 19 horas, "THX 1138”, primeiro filme escrito e dirigido por George Lucas, ganha  as telas do cineteatro São Luiz. A entrada é  gratuita, os ingressos começam a ser distribuídos uma hora antes de cada sessão, mediante documento de identificação com foto.

Outras atrações: 

DIA 08/11 (SEXTA-FEIRA)

14h [CINEMA] MOSTRA GEORGE LUCAS 75 ANOS | STAR WARS: EPISÓDIO IV – UMA NOVA ESPERANÇA
Entrada: 
Gratuita | Classificação indicativa: Livre
Direção: George Lucas | Ficção Científica, Aventura | EUA | 1977 | 2h01 | Legendado
Sinopse: Luke Skywalker (Mark Hammil) sonha ir para a Academia como seus amigos, mas se vê envolvido em uma guerra intergalática quando seu tio compra dois robôs e com eles encontra uma mensagem da princesa Leia Organa (Carrie Fisher) para o jedi Obi-Wan Kenobi (Alec Guiness) sobre os planos da construção da Estrela da Morte, uma gigantesca estação espacial com capacidade para destruir um planeta. Luke então se junta aos cavaleiros jedi e a Hans Solo (Harrison Ford), um mercenário, para tentar destruir esta terrível ameaça ao lado dos membros da resistência.

16h30 [CINEMA] MOSTRA GEORGE LUCAS 75 ANOS | STAR WARS: EPISÓDIO V – O IMPÉRIO CONTRA-ATACA
Entrada:
 Gratuita | Classificação indicativa: Livre
Direção: Irvin Kershner | Ficção Científica, Aventura | EUA | 1980 | 2h04 | Legendado
Sinopse: À medida que as Forças Imperiais lançam um ataque total contra a Aliança Rebelde, Han Solo e a Princesa Leia, fogem para a Cidade das Nuvens, onde são capturados por Darth Vader. Luke Skywalker, viaja para o misterioso planeta pantanoso de Dagobah, onde o sábio Mestre Jedi Yoda, ensina ao jovem herói os caminhos da Força. O que Luke, não pode imaginar é que seu treinamento Jedi, será necessário muito em breve.

19h [CINEMA] MOSTRA GEORGE LUCAS 75 ANOS | STAR WARS: EPISÓDIO VI – O RETORNO DE JEDI
Entrada: 
Gratuita | Classificação indicativa: Livre
Direção: Richard Marquand | Ficção Científica, Aventura | EUA | 1983 | 2h14 | Legendado
Sinopse: O imperador está supervisionando a construção de uma nova Estrela da Morte. Enquanto isso Luke Skywalker, liberta Han Solo e a Princesa Leia, das mãos de Jaba, o pior bandido das galáxias. Luke, só se tornará um cavaleiro jedi, quando destruir Darth Vader, que ainda pretende atraí-lo para o lado negro da “Força”. No entanto a luta entre os dois vai revelar um inesperado segredo.

Confira a programação completa no link https://bit.ly/2oSxB5r

(Com informações do Cineteatro São Luiz)

Núcleo de Comunicação Interna da AL-CE

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

 

 

Publicado em Agenda Cultural
Página 3 de 5

Temos 87 visitantes e Nenhum membro online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500