Imprimir esta página
Quinta, 21 Março 2019 10:41

Livro revisita obra do cineasta Stanley Kubrick

Avalie este item
(2 votos)
Obra está disponível em livrarias de Fortaleza e por meio da Internet Obra está disponível em livrarias de Fortaleza e por meio da Internet Foto: Divulgação

No dia 7 de março de 2019, uma data redonda marcou cinéfilos do mundo inteiro: trata-se do registro de 20 anos decorridos da morte do cineasta estadunidense Stanley Kubrick (1928-1999). O período é propício para a leitura de "Stanley Kubrick - o monstro de coração mole", livro de autoria do escritor e publicitário Marcius Cortez. A obra, disponível para vendas pela Internet e em algumas das principais livrarias de Fortaleza, revisita a obra do cineasta e, por meio dela, traça seu perfil, com novas informações sobre um artista controverso, mas cuja filmografia tem inegável importância para a história da Sétima Arte.

Tido pelos colaboradores como um perfeccionista obsessivo, que participava intensamente de todas as etapas do processo cinematográfico, Kubrick dirigiu apenas 13 filmes em sua carreira e, no entanto, todos foram significativos, distintos entre si e influenciaram as carreiras de outros cineastas.

O livro é dividido em 14 capítulos, sendo um deles basicamente uma introdução e cada um dos demais destinado à elaboração e desenvolvimento de cada um dos filmes do cineasta. Desta forma, conhecemos um pouco mais sobre clássicos como a ficção científica "2001 - Uma Odisseia no Espaço" (1968), o futurista "Laranja Mecânica" (1971), o terror "O Iluminado" (1980) e o filme de guerra "Nascido para Matar" (1987), obras marcantes junto ao público e à crítica.

A obra de Marcius Cortez ganha por dar o mesmo peso destas obras aos filmes iniciais da carreira de Kubrick, alguns deles rodados ainda nos Estados Unidos, em preto e branco, até a experiência do cineasta com "Spartacus" (1960) - quando, após divergências com o protagonista Kirk Douglas, Kubrick, insatisfeito com o resultado do filme, partiu para fazer sua carreira na Inglaterra, daí surgindo obras polêmicas como o drama "Lolita" (1962) e a ficção científica "Doutor Fantástico" (1964). O livro tem seu encerramento focado no drama erótico "De Olhos Bem Fechados" (1999), que dividiu opiniões quando lançado postumamente, estrelado pelo então casal também atrás das câmeras Tom Cruise e Nicole Kidman.

Quem conferir o livro verá que há muito a descobrir ainda na obra do cineasta que, indicado ao Oscar quatro vezes como melhor diretor e cinco como roteirista, foi reconhecido pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood apenas pelos efeitos visuais de "2001". Muito pouco para alguém cuja contribuição ao cinema se estende até hoje, duas décadas depois da sua partida.

Serviço: "Stanley Kubrick - o monstro de coração mole", de Marcius Cortez. Editora Perspectiva, 211 páginas. À venda em livrarias e pela Internet. Preço médio: R$ 38,00.

Lido 616 vezes Última modificação em Quinta, 21 Março 2019 21:36

Itens relacionados (por tag)

Entre para postar comentários