Fortaleza, Sexta-feira, 20 Maio 2022
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
 PORTAL DO SERVIDOR
 Coordenadoria de Planejamento e Informática
Sexta, 21 Agosto 2020 14:06

Lovecraft Country traz o terror fantástico em série da HBO

Avalie este item
(2 votos)
Série é exibida aos domingos nos canais HBO Série é exibida aos domingos nos canais HBO Divulgação/ HBO

É um pouco arriscado, utilizando-se de um eufemismo, indicar uma série quando apenas um episódio foi apresentado ao público. Mas é impossível não emitir uma opinião após assistir Lovecraft Country, ou, numa livre tradução, o mundo de Lovecraft. No primeiro capítulo, exibido pelo canal HBO e também disponível no streaming HBO Go, é perceptível a extrema atualidade como a questão do racismo é abordada, aparentemente inspirado no movimento Black Lives Matter.

Mas não é essa a verdade. A série Lovecraft Country aborda o universo temático do que já foi considerado "baixa literatura" dos escritores H.P. Lovecraft e Edgar Rice Burroughs. O cenário são os Estados Unidos dos anos 1950, onde permeia o racismo por todos os poros, notadamente na área sul do país onde a escravidão parece ainda resistir o passar do tempo.

O protagonista Atticus Freeman, apelidado por seus parceiros de Tic, seu tio e uma amiga de infância, todos negros, pegam a estrada para descobrir a região de Massachusetts, que é o cenário que inspirou os contos e as novelas de horror de Lovecraft. Eles buscam atender um pedido de socorro do pai de Tic, com quem não tinha boas relações.

Nesta região, são alvo de toda sorte de preconceito e discriminação, correndo riscos até de serem assassinados apenas em decorrência da cor da pele. Tic e a amiga, quando adolescentes tinham um clube de leitura de ficção científica. A reviravolta que torna Lovecraft Country interessante é que essa romantização da eterna infância - uma fantasia essencialmente branca, masculina e heterossexual - é impossível para os negros nos EUA, que descobrem cedo o fim da inocência e as injustiças da vida, e especificamente aqui para os negros nos anos que sucedem a Segunda Guerra Mundial.

Tic é também um militar veterano traumatizado da Guerra da Coreia, À parte toda a dimensão histórica das lutas raciais americanas, esse tema tem muito potencial na ficção quando envolve infância, fantasias projetadas, destinos manifestos e o fim da inocência. O escritor Matt Ruff, autor do livro Território Lovecraft, no qual a série da HBO se baseia, talvez esteja também sob essas influências.

Jordan Peele, diretor dos  filmes Corra! e Nós, é o produtor da série, ao lado do também roteirista Misha Green. Eles nos levam de forma também sensorial ao universo de Lovecraft de forma a que aceitemos sem incômodo a inserção de seres sobrenaturais na trama. O mergulho então fica completo, e tudo assume um grande realismo.

A série é exibida aos domingos a partir das 22 horas nos canais HBO.

JS

 

Núcleo de Comunicação Interna da AL

Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Telefone: 85.3257.3032

WhatsApp: 85.99147.6829

Lido 966 vezes
Entre para postar comentários

Temos 117 visitantes e 7 membros online

Login de Acesso

Por favor, para efetuar o login digitar zeros(0) à esquerda. Ex: 000015. Totalizando 6 dígitos.

CURSOS / PROJETOS

EVENTOS / DESTAQUES



  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará 

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60170.900                           Siga-nos:

  Fone: (85) 3277.2500